Fórmula 1
19 mar
-
22 mar
Próximo evento em
25 dias
02 abr
-
05 abr
Próximo evento em
39 dias
30 abr
-
03 mai
Próximo evento em
67 dias
07 mai
-
10 mai
Próximo evento em
74 dias
21 mai
-
24 mai
Próximo evento em
88 dias
R
GP do Azerbaijão
04 jun
-
07 jun
Próximo evento em
102 dias
11 jun
-
14 jun
Próximo evento em
109 dias
25 jun
-
28 jun
Próximo evento em
123 dias
R
GP da Áustria
02 jul
-
05 jul
Próximo evento em
130 dias
R
GP da Grã-Bretanha
16 jul
-
19 jul
Próximo evento em
144 dias
30 jul
-
02 ago
Próximo evento em
158 dias
R
GP da Bélgica
27 ago
-
30 ago
Próximo evento em
186 dias
03 set
-
06 set
Próximo evento em
193 dias
R
GP de Singapura
17 set
-
20 set
Próximo evento em
207 dias
24 set
-
27 set
Próximo evento em
214 dias
08 out
-
11 out
Próximo evento em
228 dias
R
GP dos Estados Unidos
22 out
-
25 out
Próximo evento em
242 dias
29 out
-
01 nov
Próximo evento em
249 dias
12 nov
-
15 nov
Próximo evento em
263 dias
R
GP de Abu Dhabi
26 nov
-
29 nov
Próximo evento em
277 dias

Verstappen: Era impossível lutar contra Vettel ou Hamilton

compartilhar
comentários
Verstappen: Era impossível lutar contra Vettel ou Hamilton
26 de ago de 2018 17:43

Max Verstappen disse que o terceiro lugar era o melhor que ele poderia esperar no GP da Bélgica diante do ritmo imposto por Sebastian Vettel

Race winner Sebastian Vettel, Ferrari, second place Lewis Hamilton, Mercedes AMG F1, third place Max Verstappen, Red Bull Racing
Max Verstappen, Red Bull Racing RB14
Max Verstappen, Red Bull Racing RB14
Max Verstappen, Red Bull Racing RB14
Max Verstappen, Red Bull Racing

Um pódio diante de seus fãs foi exatamente o que Max Verstappen precisava para começar a segunda metade da temporada com o pé direito, após as férias de verão da Fórmula 1.

No GP da Bélgica o "Holandês Voador" foi o protagonista de uma boa recuperação que o colocou na terceira posição na corrida do circuito de Spa-Francorchamps, mas com um susto no início, que o colocou perto de se envolver no acidente entre Fernando Alonso, Nico Hulkenberg e Charles Leclerc.

"Eu fiquei com medo, porque eu vi Fernando voar sobre Charles. Felizmente eu estava na parte de dentro da curva e não tive problemas", disse Verstappen, que então começou a atacar os pilotos da Racing Point Force India Esteban Ocon e Sergio Pérez.

Leia também:

"Depois pude alcançar os Force India, porque sabia que poderia lutar contra eles. Eu usei o DRS para passá-los. Eu me diverti lutando contra eles, mas depois tive que me contentar com isso”.

Verstappen ficou sozinho na terceira posição e admitir que não tinha potencial para lutar contra Sebastian Vettel, que conseguiu sua 52ª vitória na carreira, ou contra o Mercedes de Lewis Hamilton.

"Éramos um pouco lentos em comparação com Vettel e Hamilton, mas aproveitamos ao máximo nosso potencial. No final, o ritmo estava bom, mas fui forçado a correr uma corrida sozinho porque era impossível lutar com os dois primeiros, eles estavam longe. Com o fato de que uma Ferrari se retirar, as coisas foram ainda melhores do que o esperado para nós".

"No geral, foi um bom resultado, o carro estava bem equilibrado e eu consegui guia-lo bem, é incrível ir ao pódio, na frente da minha gente."

Próximo artigo
Bottas é punido em cinco segundos por colisão em Sirotkin

Artigo anterior

Bottas é punido em cinco segundos por colisão em Sirotkin

Próximo artigo

“Halo provavelmente ajudou hoje”, diz Leclerc

“Halo provavelmente ajudou hoje”, diz Leclerc
Carregar comentários

Sobre esta matéria

Categoria Fórmula 1
Pilotos Max Verstappen Compre Agora
Equipes Red Bull Racing Compre Agora