Fórmula 1
10 out
-
13 out
Evento encerrado
24 out
-
27 out
Evento encerrado
01 nov
-
03 nov
Evento encerrado
14 nov
-
17 nov
Evento encerrado
28 nov
-
01 dez
Evento encerrado

Vettel desbanca Hamilton no fim e conquista pole para o GP do Canadá

compartilhar
comentários
Vettel desbanca Hamilton no fim e conquista pole para o GP do Canadá
8 de jun de 2019 19:21

Alemão surpreendeu em sua última tentativa no Q3 e vai largar na frente pela primeira vez em 2019

Quem apostou que Lewis Hamilton seria o dono do GP do Canadá, está se enganando, pelo menos até agora. Neste sábado, Sebastian Vettel surpreendeu no final do Q3 e em sua última tentativa cravou 1min10s240, superando o inglês da Mercedes em 0s206 para finalmente sair do zero em poles no ano.

Charles Leclerc abrirá a segunda fila, tendo ficado na terceira colocação e terá ao seu lado Daniel Ricciardo, que conseguiu o quarto posto, a melhor posição de largada com a Renault.

Pierre Gasly também surpreendeu e foi o quinto, à frente de Valtteri Bottas, que chegou a rodar durante a última parte da sessão e teve que se conformar em fechar a terceira linha.

Leia também:

O treino de classificação em Montreal foi marcado pelo forte acidente de Kevin Magnussen, no fechamento do Q2. O dinamarquês bateu no Muro dos Campeões, voltou para a pista e tocou com mais força no outro lado. O piloto nada sofreu.

Max Verstappen decepcionou e ficou no Q2. Ele estava tentando passar para a o último round do treino, mas com o acidente de Magnussen, a bandeira vermelha foi acionada e restou ao holandês apenas se lamentar o 11º.

ATUALIZAÇÃO: Os comissários entenderam que Carlos Sainz bloqueou Alex Albon de maneira irregular durante o Q1 e puniu o espanhol com a perda de três posições no grid. Com isso, o piloto da McLaren sairá da 12ª posição e Max Verstappen, da 10ª.

O Treino

Com temperaturas que passavam dos 45 graus, o Q1 começou com a dupla da Ferrari repetindo o bom desempenho dos treinos livres, com Charles Leclerc se colocando à frente com 1min11s786, seguido de Sebastian Vettel, meio segundo atrás.

Mas Max Verstappen e se colou na segunda posição, seguido de Lewis Hamilton e Valtteri Bottas, até a metade do Q1.

O monegasco melhorou ainda mais sua marca, com 1min11s481 e tinha Vettel a 0s120 na abertura da segunda metade.

Mas a Mercedes não deixou barato e Valtteri Bottas tomou o posto de Leclerc em seguida, com 1min11s229.

E foi por pouco tempo. O duo da Ferrari novamente mostrou força e Vettel cravou 1min11s200, seguido de Leclerc, a 0s014.

Os eliminados nesta parte da sessão foram: Sergio Pérez, Kimi Raikkonen, Lance Stroll, George Russell e Robert Kubica.

Na abertura do Q2 os principais nomes utilizaram pneus médios. Hamilton saiu na frente, mas Vettel começou liderando, com 1min11s309. Bottas era o terceiro. Após fritar pneus na primeira tentativa, Leclerc superou seu companheiro de equipe, mas o alemão deu a resposta com 1min11s142.

Pierre Gasly surpreendeu e colocou sua Red Bull entre as Ferraris, ficando em segundo a 0s054 de Vettel.

Ainda com composto médio, Hamilton cravou 1min11s010, deixando a equipe italiana para trás. O mesmo fez Bottas, que tomou o segundo posto do alemão.

Já com o cronômetro zerado, Kevin Magnussen deu uma primeira batida no Muro dos Campeões e fez novo contato – este mais forte – no lado oposto. A bandeira vermelha foi acionada. Foram eliminados Verstappen, Daniil Kvyat, Antonio Giovinazzi, Alex Albon e Romain Grosjean.

O Q3 começou com Gasly fazendo 1min12s185, tempo considerado alto. Entre os favoritos, Hamilton fez 1min10s493, deixando as duas Ferraris para trás, de Vettel (a 0s188) e Leclerc (a 0s603). Bottas rodou e acabou voltando para os boxes.

Na última tentativa, Hamilton baixou seu tempo ainda mais, mas Vettel cravou 1min12s240. O inglês teve que se conformar com o segundo posto, seguido de Leclerc, Ricciardo, Gasly e Bottas.

O GP do Canadá acontece neste domingo, às 15h10, horário de Brasília.

Grid de largada

Cla # Piloto Chassi Motor Tempo Diferença km/h
1 5 Germany Sebastian Vettel  Ferrari Ferrari 1'10.240   223.513
2 44 United Kingdom Lewis Hamilton  Mercedes Mercedes 1'10.446 0.206 222.860
3 16 Monaco Charles Leclerc  Ferrari Ferrari 1'10.920 0.680 221.370
4 3 Australia Daniel Ricciardo  Renault Renault 1'11.071 0.831 220.900
5 10 France Pierre Gasly  Red Bull Honda 1'11.079 0.839 220.875
6 77 Finland Valtteri Bottas  Mercedes Mercedes 1'11.101 0.861 220.807
7 27 Germany Nico Hulkenberg  Renault Renault 1'11.324 1.084 220.116
8 4 United Kingdom Lando Norris  McLaren Renault 1'11.863 1.623 218.465
9 55 Spain Carlos Sainz Jr.  McLaren Renault 1'13.981 3.741 212.211
10 20 Denmark Kevin Magnussen  Haas Ferrari      
11 33 Netherlands Max Verstappen  Red Bull Honda 1'11.800 1.560 218.657
12 26 Russian Federation Daniil Kvyat  Toro Rosso Honda 1'11.921 1.681 218.289
13 99 Italy Antonio Giovinazzi  Alfa Romeo Ferrari 1'12.136 1.896 217.638
14 23 Thailand Alexander Albon  Toro Rosso Honda 1'12.193 1.953 217.467
15 8 France Romain Grosjean  Haas Ferrari      
16 11 Mexico Sergio Perez  Racing Point Mercedes 1'12.197 1.957 217.455
17 7 Finland Kimi Raikkonen  Alfa Romeo Ferrari 1'12.230 1.990 217.355
18 18 Canada Lance Stroll  Racing Point Mercedes 1'12.266 2.026 217.247
19 63 United Kingdom George Russell  Williams Mercedes 1'13.617 3.377 213.260
20 88 Poland Robert Kubica  Williams Mercedes 1'14.393 4.153 211.035

 

 

Próximo artigo
Vettel lidera dobradinha da Ferrari no último treino livre do GP do Canadá de F1

Artigo anterior

Vettel lidera dobradinha da Ferrari no último treino livre do GP do Canadá de F1

Próximo artigo

Hamilton se diz "completamente feliz" mesmo com derrota para Vettel

Hamilton se diz "completamente feliz" mesmo com derrota para Vettel
Carregar comentários

Sobre esta matéria

Categoria Fórmula 1