Fórmula 1
10 out
-
13 out
Evento encerrado
24 out
-
27 out
Evento encerrado
01 nov
-
03 nov
Evento encerrado
14 nov
-
17 nov
Evento encerrado
28 nov
-
01 dez
Evento encerrado

Wolff diz que rivais da F1 estão sendo oportunistas ao tentar mudar pneus

compartilhar
comentários
Wolff diz que rivais da F1 estão sendo oportunistas ao tentar mudar pneus
Por:
9 de jun de 2019 14:20

Toto Wolff falou sobre equipes quererem retorno dos pneus de 2018 e exaltou Mercedes por entendê-los melhor que os outros

Durante o Grande Prêmio do Canadá, Red Bull e Ferrari voltaram a criticar os pneus da Pirelli para 2019 na Fórmula 1.

Leia também:

Conselheiro da Red Bull, Helmut Marko criticou fortemente, enquanto Christian Horner disse à Sky Sports que "a melhor coisa seria voltar aos pneus do ano passado".

A Pirelli mudou os pneus de 2019 na espessura, deixando os compostos 0,4mm mais finos. Com exceção da Mercedes, as equipes têm encontrado dificuldade em aquecer os pneus.

Uma mudança para trazer de volta os compostos antigos precisaria da aprovação de sete das 10 equipes ou ser forçada pela FIA como medida de segurança.

Perguntado pelo Motorsport.com sobre as críticas de Marko e Horner, o chefe da Mercedes, Toto Wolff chamou isso de "oportunista".

"Todo ano temos pneus novos da Pirelli. Às vezes os entendemos mais rápido, outras vezes demoramos mais. Como competidores justos, precisamos fazer o melhor com o que nos é dado a não se que se torne um problema de segurança. A tarefa da Pirelli é impossível, sendo ordenada a nos dar pneus que se desgastem mais para as estratégias se tornarem mais emocionantes. Quando temos pneus que se desgastam mais, as pessoas pedem para eles durarem mais", disse Wolff.

Mercedes W10: retrotreno

Mercedes W10: retrotreno

Photo by: Giorgio Piola

 

Próximo artigo
GALERIA: As imagens do dia da Fórmula 1 no Canadá

Artigo anterior

GALERIA: As imagens do dia da Fórmula 1 no Canadá

Próximo artigo

VÍDEO: Veja, lado a lado, as voltas de Vettel e Hamilton no Q3 do GP do Canadá

VÍDEO: Veja, lado a lado, as voltas de Vettel e Hamilton no Q3 do GP do Canadá
Carregar comentários