Fórmula E
27 fev
-
29 fev
Evento encerrado
05 jun
-
06 jun
Próximo evento em
66 dias
R
ePrix de Berlim
20 jun
-
21 jun
Próximo evento em
81 dias
R
ePrix de Nova York
10 jul
-
11 jul
Próximo evento em
101 dias
R
ePrix de Londres
25 jul
-
25 jul
Próximo evento em
116 dias

Evans dá bote no início, ‘passeia’ e vence no México; Di Grassi é 6º

compartilhar
comentários
Evans dá bote no início, ‘passeia’ e vence no México; Di Grassi é 6º
15 de fev de 2020 22:56

Piloto da Jaguar, que largou em segundo, dá bote após a largada para não perder mais. Lucas di Grassi fez corrida de recuperação e Felipe Massa abandonou

Mitch Evans foi o grande nome deste sábado no Autódromo Hermanos Rodrígues, na Cidade do México, pela terceira etapa da temporada 2019/2020 da Fórmula E. O piloto da Jaguar dominou a corrida e cruzou a linha de chegada com tranquilidade, com mais de quatro segundos de vantagem sobre Antonio Félix da Costa, que também fez boa prova. Sebastien Buemi completou o pódio.

Os brasileiros tiveram diferentes destinos. Felipe Massa acabou batendo na curva 1 e, mesmo sem um impacto forte, foi obrigado a abandonar. Lucas di Grassi fez corrida de recuperação e conseguiu terminar na sexta posição.

Leia também:

A Corrida

Na largada, Andre Lotterer e Mitch Evans se tocaram, com o piloto da Jaguar levando a melhor e assumindo a liderança. O alemão caiu para a quarta colocação. Ao final da primeira volta, di Grassi era o 12º e Felipe Massa ocupava o 19º posto.

Faltando 42 minutos, Nico Muller saiu da pista e bateu nas barreiras de proteção da curva 1. Com isso, o safety car entrou, enquanto o carro era retirado.

Sete minutos depois foi dada a relargada e, em seguida, Massa bateu de raspão também na curva 1 e acabou abandonando a prova.

Enquanto isso, di Grassi avançava para a nona posição, restando menos de 30 minutos para o fim. Lotterer continuava sofrendo, após ter sido tocado e com isso teve que ir para os pits para reparar seu carro.

Na metade da prova, Evans mantinha a liderança, seguido de Sam Bird, Sebastien Buemi, Robin Frijns e Nick de Vries. Lucas conseguia a oitava posição de Mortara.

Faltando 19 minutos, de Vries e Robin Frijns se encontraram, depois tentar espremer Félix da Costa, com o piloto da Mercedes acabou levando a pior. Com isso, di Grassi ganhava duas posições gratuitamente.

 

O bicampeão da Fórmula E, Jean-Eric Vergne e Antonio Félix da Costa se revezaram na quarta posição, com a primeira ultrapassagem vindo após ordem de equipe. O português reclamou e conseguiu o lugar de volta.

Após boa recuperação, di Grassi começava a perder rendimento, caindo para o oitavo posto restando oito minutos para o final.

Da Costa mostrou que realmente estava mais rápido que Vergne após assumir o terceiro lugar, após superar Buemi.

Restando menos de quatro minutos, Bird era pressionado pelo português e acabou parando nas barreiras da saída do ‘estádio’, mas sem a presença do safety car. Vandoorne, líder do campeonato também acabou batendo no final, conseguindo levar seu carro para o final.

Com isso, Evans completou a corrida com tranquilidade, conquistando a primeira vitória da temporada. Da Costa foi o segundo colocado, seguido de Buemi, completando o pódio. No final, di Grassi conseguiu recuperar a sexta colocação.

A próxima etapa da Fórmula E será em Marraquexe, no Marrocos, no dia 29 de fevereiro.

Resultado final 

Cla   # Piloto Equipe Voltas Tempo Diferença Intervalo km/h Abandono Pontos
1   20 New Zealand Mitch Evans United Kingdom Jaguar Racing 36 46'42.093          
2   13 Portugal Antonio Felix da Costa China Techeetah 36 46'46.364 4.271 4.271      
3   23 Switzerland Sébastien Buemi France DAMS 36 46'48.274 6.181 1.910      
4   25 France Jean-Eric Vergne China Techeetah 36 46'56.424 14.331 8.150      
5   27 United Kingdom Alexander Sims United States Andretti Autosport 36 47'01.337 19.244 4.913      
6   11 Brazil Lucas di Grassi Germany Audi Sport Team Abt 36 47'10.439 28.346 9.102      
7   22 United Kingdom Oliver Rowland France DAMS 36 47'11.843 29.750 1.404      
8   48 Switzerland Edoardo Mortara Monaco Venturi 36 47'12.297 30.204 0.454      
9   51 United Kingdom James Calado United Kingdom Jaguar Racing 36 47'12.889 30.796 0.592      
10   94 Germany Pascal Wehrlein India Mahindra Racing 36 47'13.225 31.132 0.336      
11   64 Belgium Jérôme d'Ambrosio India Mahindra Racing 36 47'14.911 32.818 1.686      
12   4 Netherlands Robin Frijns United Kingdom Virgin Racing 36 47'15.758 33.665 0.847      
13   28 Germany Maximilian Gunther United States Andretti Autosport 36 47'17.605 35.512 1.847      
14   6 New Zealand Brendon Hartley United States Dragon Racing 36 47'18.492 36.399 0.887      
15   3 United Kingdom Oliver Turvey United Kingdom NIO Formula E Team 36 47'32.981 50.888 14.489      
16   18 Switzerland Neel Jani Germany Porsche Team 36 47'46.984 1'04.891 14.003      
    5 Belgium Stoffel Vandoorne Germany Mercedes 35 46'49.093 1 Lap 1 Lap   Abandono  
    2 United Kingdom Sam Bird United Kingdom Virgin Racing 31 40'50.201 5 Laps 4 Laps   Abandono  
    66 Germany Daniel Abt Germany Audi Sport Team Abt 30 40'22.897 6 Laps 1 Lap   Abandono  
    33 China Ma Qing Hua United Kingdom NIO Formula E Team 25 34'56.582 11 Laps 5 Laps   Abandono  
    17 Netherlands Nick de Vries Germany Mercedes 18 25'18.722 18 Laps 7 Laps   Abandono  
    36 Germany Andre Lotterer Germany Porsche Team 11 17'18.735 25 Laps 7 Laps   Abandono  
    19 Brazil Felipe Massa Monaco Venturi 6 10'57.511 30 Laps 5 Laps   Abandono  
    7 Switzerland Nico Müller United States Dragon Racing 2 2'34.101 34 Laps 4 Laps   Abandono

 

 

 

 

 

 

Próximo artigo
Lotterer conquista primeira pole da Porsche na Fórmula E; brasileiros não vão bem

Artigo anterior

Lotterer conquista primeira pole da Porsche na Fórmula E; brasileiros não vão bem

Próximo artigo

Pipo Derani participará de teste de novatos da F-E com Mahindra

Pipo Derani participará de teste de novatos da F-E com Mahindra
Carregar comentários

Sobre esta matéria

Categoria Fórmula E