Presidente da Fórmula E, Alejandro Agag testa positivo para Covid-19

compartilhar
comentários
Presidente da Fórmula E, Alejandro Agag testa positivo para Covid-19
Por:

Principal nome da categoria não poderá acompanhar in loco o restante da temporada 2019/2020

O co-fundador e presidente da Fórmula E, Alejandro Agag, se tornou o segundo nome de destaque do campeonato a perder as corridas de Berlim depois de testar positivo para a Covid-19.

A série relatou que na segunda-feira que 1.421 pessoas testadas no local no aeroporto de Tempelhof haviam testado negativo, mas que "duas receberam resultados positivos".

Leia também:

Em entrevista coletiva, o chefe da Mahindra Racing Dilbagh Gill confirmou na terça-feira que haviam testado positivo.

E na noite desta quarta-feira, Agag também revelou que havia contraído o vírus.

Ele postou uma foto do primeiro vencedor do ePrix de Berlim, Antonio Felix da Costa, no Instagram, escrevendo: “Parabéns [da Costa] por uma grande vitória na primeira corrida de Berlim.”

“Muito triste em perder a minha primeira corrida de Fórmula E, que tive que assistir do meu quarto em Berlim.”

“Testei positivo para Covid-19 na chegada e estou seguindo todos os excelentes protocolos que temos para manter todos em segurança.”

"Sinto a falta de todos do paddock!"

Polêmica Racing Point, Silverstone e tudo o que você sempre quis saber de F1 com Rico Penteado

PODCAST: Qual é o tamanho da 'sorte' de Hamilton ao vencer com três rodas?

 

Líder, Félix da Costa ainda considera Vergne como melhor piloto da equipe

Artigo anterior

Líder, Félix da Costa ainda considera Vergne como melhor piloto da equipe

Próximo artigo

F-E: Líder, Da Costa voa e é pole novamente em Berlim; Di Grassi é o melhor brasileiro em 6º

F-E: Líder, Da Costa voa e é pole novamente em Berlim; Di Grassi é o melhor brasileiro em 6º
Carregar comentários

Sobre esta matéria

Categoria Geral , Fórmula E
Autor Matt Kew