Ex-F1, Adrian Sutil destrói McLaren de edição limitada em Mônaco

compartilhar
comentários
Ex-F1, Adrian Sutil destrói McLaren de edição limitada em Mônaco

Hipercarro é avaliado em R$ 8,3 milhões e apenas 20 unidades foram construídos

O alemão Adrian Sutil passou pela Fórmula 1 entre os anos de 2007 a 2014, competindo na Spyker, Force India, Sauber, entre outros times também como piloto reserva, e desde então não costuma frequentar as manchetes dos jornais ou sites.

Mas neste fim de semana ele deu um grande motivo. Sutil não fez jus ao nome e acabou batendo um McLaren Senna LM em Mônaco, destruindo o hipercarro avaliado em R$ 8,3 milhões.

O modelo destruído faz parte de uma edição limitada, com a produção de apenas 20 unidades e tem motor V8 de 4,0 litros e chega a 825 cavalos.

 

Ainda não se tem detalhes de como ocorreu o acidente. O jornal espanhol Marca relatou que a destruição afetou a frente carro, que é de fibra de carbono, sendo 'encaixado' contra um poste. Sutil teve muita sorte, porque este post o impediu que o ex-piloto caísse em um barranco podendo ocorrer consequências graves.

 

Reginaldo Leme comenta provas favoritas da F1 e detona GP de Mônaco: "É detestável"

PODCAST: O debate de fãs e 'haters' sobre domínio de Hamilton na F1

 

Zanardi passa por quarta cirurgia após acidente e tem condições que “parecem estáveis”

Artigo anterior

Zanardi passa por quarta cirurgia após acidente e tem condições que “parecem estáveis”

Próximo artigo

Mercedes-Benz lança canal exclusivo na Motorsport.tv

Mercedes-Benz lança canal exclusivo na Motorsport.tv
Carregar comentários

Sobre esta matéria

Categoria Geral