MotoGP
R
GP do Catar
25 mar
Próximo evento em
67 dias
R
GP da Argentina
08 abr
Próximo evento em
81 dias
R
GP das Américas
15 abr
Próximo evento em
88 dias
R
GP da Espanha
29 abr
Próximo evento em
102 dias
R
GP da França
13 mai
Próximo evento em
116 dias
R
GP da Itália
27 mai
Próximo evento em
130 dias
R
GP da Catalunha
03 jun
Próximo evento em
137 dias
R
GP da Alemanha
17 jun
Próximo evento em
151 dias
R
GP da Holanda
24 jun
Próximo evento em
158 dias
R
GP da Finlândia
08 jul
Próximo evento em
172 dias
R
GP da Áustria
12 ago
Próximo evento em
207 dias
R
GP da Grã-Bretanha
26 ago
Próximo evento em
221 dias
R
GP de Aragón
09 set
Próximo evento em
235 dias
R
GP de San Marino
16 set
Próximo evento em
242 dias
R
GP do Japão
30 set
Próximo evento em
256 dias
R
GP da Tailândia
07 out
Próximo evento em
263 dias
R
GP da Austrália
21 out
Próximo evento em
277 dias
R
GP da Malásia
28 out
Próximo evento em
284 dias
R
GP de Valência
11 nov
Próximo evento em
298 dias

GP do Catar teve top-15 mais apertado da história da MotoGP

compartilhar
comentários
GP do Catar teve top-15 mais apertado da história da MotoGP

Com corrida próxima, abertura da temporada de 2019 entra para a história do Mundial de Motovelocidade

Sensacional dentro da pista, com uma disputa pela vitória que durou até os últimos metros da corrida, o GP do Catar, abertura da temporada de 2019 da MotoGP, foi um marco também nos livros de recorde da MotoGP.

Os 15 primeiros colocados da corrida finalizaram em 15s093, fazendo o top-15 mais compacto em 70 anos de disputa da categoria principal do Mundial de Motovelocidade. A média entre todos os pilotos dentro da zona de pontuação pela primeira vez na história foi de pouco mais de um segundo.

Leia também:

Dentro deste espaço, a diferença entre Dovizioso e Márquez, primeiro e segundo, foi de apenas 0s023 – três milésimos menor que no ano passado, em uma chegada muito parecida na pista de Losail. Além disso, o top-5 ficou em apenas 0s600, com quatro montadoras (Ducati, Honda, Suzuki e Yamaha) ocupando os lugares.

A categoria principal também foi a corrida mais próxima das três do último domingo, que só tiveram chegadas com menos 0s1.

Na Moto3, Kaito Toba superou Lorenzo Dalla Porta por 0s053 na última reta para conseguir sua primeira vitória na carreira. Na Moto2, Lorenzo Baldassarri segurou Thomas Luthi por 0s026 na linha de chegada.

E na MotoGP, após ter ultrapassado na última curva e dar o troco em Marc Márquez, Andrea Dovizioso derrotou seu rival por 0s023. A soma das diferença deu 0s102.

Rivais protestam, mas Ducati é absolvida e Dovizioso mantém vitória

Artigo anterior

Rivais protestam, mas Ducati é absolvida e Dovizioso mantém vitória

Próximo artigo

Rossi freia expectativas da Yamaha: “estamos igual ao ano passado”

Rossi freia expectativas da Yamaha: “estamos igual ao ano passado”
Carregar comentários

Sobre esta matéria

Categoria MotoGP