MotoGP
23 ago
-
25 ago
Evento encerrado
13 set
-
15 set
Evento encerrado
20 set
-
22 set
Evento encerrado
04 out
-
06 out
Evento encerrado
R
GP do Japão
18 out
-
20 out
Próximo evento em
23 Horas
:
02 Minutos
:
40 Segundos
25 out
-
27 out
Próximo evento em
7 dias
R
GP da Malásia
01 nov
-
03 nov
Próximo evento em
14 dias
R
GP de Valência
15 nov
-
17 nov
Próximo evento em
28 dias

Jones substitui Bautista na Angel Nieto e volta à MotoGP

compartilhar
comentários
Jones substitui Bautista na Angel Nieto e volta à MotoGP
Por:
23 de out de 2018 11:26

O piloto australiano Mike Jones fará sua terceira participação na MotoGP na corrida de Phillip Island, neste fim de semana, com a equipe Angel Nieto Ducati.

Jones substituirá Alvaro Bautista em sua corrida de casa, já que o espanhol será promovido à equipe de fábrica da Ducati para substituir Jorge Lorenzo – que ficou de fora das duas últimas corridas, na Tailândia e no Japão, devido a uma lesão.

O antigo campeão da Superbike australiana usará a moto defasada de Karel Abraham, a Ducati GP16, com Abraham assumindo a GP17 de Bautista.

Jones disse: “Estou muito empolgado e grato por correr com a Angel Nieto Team em minha corrida de casa na MotoGP. Phillip Island é um circuito que conheço bem e gosto muito.”

“Estou ansioso para aprender passo a passo durante o fim de semana e, no fim, guiar em minha melhor habilidade.”

Jones fez sua estreia na MotoGP em Motegi, há dois anos, em situação semelhante, quando Andrea Iannone estava lesionado e Hector Barberá foi convocado para substituir o italiano.

Aquilo deixou uma vaga em aberto na equipe Avintia, que foi ocupada por Jones por duas corridas. O australiano foi 18º no Japão antes de marcar um ponto em casa, em Phillip Island, no fim de semana seguinte.

Dali em diante, Jones correu nos campeonatos europeu e espanhol da Superstock 1000, terminando em quarto no geral na segunda categoria neste ano, com a Kawasaki.

Mike Jones, Avintia Racing

Mike Jones, Avintia Racing

Photo by: Gold and Goose / LAT Images

Próximo artigo
Chefe: Honda nem sempre esteve à altura de Márquez em 2018

Artigo anterior

Chefe: Honda nem sempre esteve à altura de Márquez em 2018

Próximo artigo

Márquez destaca temporada “menos estressante” que 2017

Márquez destaca temporada “menos estressante” que 2017
Carregar comentários

Sobre esta matéria

Categoria MotoGP
Evento GP da Austrália
Pilotos Mike Jones
Equipes Ángel Nieto Team
Autor Jamie Klein