Rossi lamenta e diz que teria que “arriscar muito” por pódio

Em quarto na Áustria, italiano se chateia após figurar fora do top-3 no Red Bull Ring: “não fiquei feliz”

Rossi lamenta e diz que teria que “arriscar muito” por pódio
Valentino Rossi, Yamaha Factory Racing
Valentino Rossi, Yamaha Factory Racing
Jorge Lorenzo, Yamaha Factory Racing, Valentino Rossi, Yamaha Factory Racing
Valentino Rossi, Yamaha Factory Racing
Marc Marquez, Repsol Honda Team, Valentino Rossi, Yamaha Factory Racing
Valentino Rossi, Yamaha Factory Racing
Valentino Rossi, Yamaha Factory Racing
Valentino Rossi, Yamaha Factory Racing

Valentino Rossi confessou que ficou bem chateado de não ter conseguido ficar no pódio no GP da Áustria. Em segundo no grid, o piloto foi batido pelas duas Ducatis e pelo companheiro Jorge Lorenzo, que terminou a prova em terceiro lugar.

Rossi reconhece que seu companheiro de Yamaha foi mais rápido, e lamenta o fato de não ter conseguido brigar ao menos pelo terceiro lugar.

"No final, eu não fiquei feliz com o quarto lugar, porque o meu objetivo era chegar ao pódio", disse Rossi.

"Mas o fim de semana e a corrida foram foi muito bons. Fiquei a três segundos da vitória e não muito longe da Ducati.”

"A grande pena, pessoalmente, é que Lorenzo chegou na minha frente. Ele foi mais rápido.”

"Além disso, foi uma pena que nós não lutamos. Queria tentar fazer algumas ultrapassagens, mas as condições da corrida foram difíceis para todos. Era difícil parar nas freadas e também difícil de sair das curvas.”

"Eu teria que arriscar muito se quisesse tentar ultrapassar. Toda vez que eu tentava fazer alguma manobra, cometia alguns erros. No final, fui apenas quarto."

Diferença para Marquez reduzida

Perguntado se, pelo menos, ficou satisfeito por ter terminado à frente do líder do campeonato Marc Márquez na Áustria, Rossi brincou: "estou muito feliz, porque recuperei dois pontos, se tivermos mais 100 corridas, posso ganhar o campeonato.”

"À parte da piada, é bom chegar à frente de Márquez. Temos que tentar continuar assim. Em outras pistas a situação vai mudar, mas temos que tentar ser sempre rápidos e tirar o máximo de pontos possível.”

"É difícil ganhar pontos sobre Márquez, mas o campeonato é muito longo. Por isso temos de tentar o máximo. Temos também o segundo lugar na classificação."

Rossi continua em terceiro no campeonato com 124 pontos. Com oito corridas restantes, ele está 14 pontos atrás de Lorenzo e 57 atrás de Márquez.

compartilhar
comentários
Vitória na Áustria faz Ducati quebrar recordes e paradigmas

Artigo anterior

Vitória na Áustria faz Ducati quebrar recordes e paradigmas

Próximo artigo

Irritação, celebração e demissão: as frases do final de semana

Irritação, celebração e demissão: as frases do final de semana
Carregar comentários