Rossi teme repetição de má performance de Jerez na Catalunha

Vitorioso no último ano, piloto da Yamaha diz que traçado o favorece, mas pista pode dar problemas à M1

Rossi teme repetição de má performance de Jerez na Catalunha
Valentino Rossi, Yamaha Factory Racing
Valentino Rossi, Yamaha Factory Racing
Valentino Rossi, Yamaha Factory Racing
Valentino Rossi, Yamaha Factory Racing, Jorge Lorenzo, Ducati Team
Valentino Rossi, Yamaha Factory Racing
Valentino Rossi, Yamaha Factory Racing
Carregar reprodutor de áudio

Valentino Rossi admitiu que a Yamaha pode voltar a sofrer no GP da Catalunha deste final de semana. O piloto italiano diz que a baixa aderência do circuito de Montmeló pode ocasionar outro final de semana difícil para a YZR-M1.

Depois de sofrer com o asfalto em Jerez, o piloto acredita que poderá ter problemas.

"Estou um pouco preocupado, porque o asfalto de Barcelona é muito ruim e o nível de aderência é muito baixo", admitiu ele.

"Em Jerez com essas condições, sofremos com a nossa moto. Mas é muito cedo para dizer.”

"De qualquer forma, adoro Barcelona, gosto muito do circuito, também com o novo layout", acrescentou Rossi, se referindo à chicane revisada adicionada no setor final neste ano após o acidente fatal de Luis Salom no ano passado.

Após ter se envolvido em um acidente de motocross que o deixou com dor abdominal na semana anterior a seu quarto lugar em Mugello, Rossi disse que sua condição física o impediu de terminar no pódio.

O piloto de 38 anos admitiu que o fato de Barcelona ser na semana seguinte a Mugello tornará o evento catalão "difícil".

"É melhor se eu tiver uma semana extra, mas é duas seguidas, será difícil", disse Rossi. "Mas com certeza se eu continuar a recuperar assim, uma outra semana é importante."

compartilhar
comentários
Dovizioso: chances de título são pequenas apesar de vitória
Artigo anterior

Dovizioso: chances de título são pequenas apesar de vitória

Próximo artigo

KTM confirma moto extra para Kallio em dois GPs de 2017

KTM confirma moto extra para Kallio em dois GPs de 2017