Valentino Rossi: Utilizar Yamaha de 2016 não é opção

Após dificuldades de adaptação com moto de 2017, italiano diz que prefere seguir caminho de Viñales

Valentino Rossi: Utilizar Yamaha de 2016 não é opção
Podium: Race winner Maverick Viñales, Yamaha Factory Racing; third place Valentino Rossi, Yamaha Factory Racing
Valentino Rossi, Yamaha Factory Racing, camera hanging off
Podium: third place Valentino Rossi, Yamaha Factory Racing
Valentino Rossi, Yamaha Factory Racing
Valentino Rossi, Yamaha Factory Racing
Valentino Rossi, Yamaha Factory Racing
Valentino Rossi, Yamaha Factory Racing
Carregar reprodutor de áudio

O espanhol Maverick Viñales começou sua carreira na Yamaha bem, liderando todos os testes de pré-temporada e vencendo o GP do Catar, abertura da temporada de 2017 da MotoGP.

Enquanto isso, Rossi tinha dificuldades com o equilíbrio da M1 de 2017 pela sensibilidade nas entradas das curvas. Porém, nos treinos no circuito de Losail, Rossi conseguiu melhorar seu ritmo e se classificou em décimo, indo para terceiro lugar na corrida e juntando-se a Viñales no pódio.

Creditando um avanço nos treinos para este resultado, Rossi disse que sabia que mudar de volta para a especificação 2016 da Yamaha – como as utilizadas pelos estreantes da Tech3 Johann Zarco e Jonas Folger – nunca foi cogitada.

"No começo eu me senti melhor na moto de 2016 da Yamaha, mas preferi continuar testando a de 2017. Viñales está se saindo bem com a nova moto, então eu posso precisar de mais algum tempo, mas também posso andar bem com a moto. Para a equipe é melhor que nós andemos com o mesmo modelo", admitiu Rossi.

"O resultado no Catar foi muito bom, tanto pessoalmente como para o lado técnico também, porque nos permitiu compreender muitas coisas", finalizou o 46.

compartilhar
comentários
Lorenzo: "Viñales lembra a mim quando cheguei à MotoGP"
Artigo anterior

Lorenzo: "Viñales lembra a mim quando cheguei à MotoGP"

Próximo artigo

Zarco: Andar na frente é mais do que esperança distante

Zarco: Andar na frente é mais do que esperança distante
Carregar comentários