MotoGP
30 abr
-
03 mai
Próximo evento em
31 dias
R
GP da França
14 mai
-
17 mai
Próximo evento em
45 dias
R
GP da Itália
28 mai
-
31 mai
Próximo evento em
59 dias
04 jun
-
07 jun
Próximo evento em
66 dias
R
GP da Alemanha
18 jun
-
21 jun
Próximo evento em
80 dias
R
GP da Holanda
25 jun
-
28 jun
Próximo evento em
87 dias
R
GP da Finlândia
09 jul
-
12 jul
Próximo evento em
101 dias
R
GP da República Tcheca
06 ago
-
09 ago
Próximo evento em
129 dias
R
GP da Áustria
13 ago
-
16 ago
Próximo evento em
136 dias
R
GP da Grã-Bretanha
27 ago
-
30 ago
Próximo evento em
150 dias
R
GP de San Marino
10 set
-
13 set
Próximo evento em
164 dias
R
GP de Aragón
25 set
-
27 set
Próximo evento em
179 dias
R
GP do Japão
15 out
-
18 out
Próximo evento em
199 dias
R
GP da Austrália
23 out
-
25 out
Próximo evento em
207 dias
R
GP da Malásia
29 out
-
01 nov
Próximo evento em
213 dias
13 nov
-
15 nov
Próximo evento em
228 dias
R
GP da Argentina
20 nov
-
22 nov
Próximo evento em
235 dias
R
GP de Valência
27 nov
-
29 nov
Próximo evento em
242 dias

Zarco: “Passei muito medo pois estávamos a 300 km/h”

compartilhar
comentários
Zarco: “Passei muito medo pois estávamos a 300 km/h”
Por:
28 de out de 2018 16:20

Piloto francês se diz feliz por ter apenas escorregado na grama após toque com a roda traseira de Marc Márquez

O início do GP da Austrália deste domingo (29) foi marcado por um grande acidente. O francês Johann Zarco foi catapultado de sua moto após se tocar com Marc Márquez na entrada da curva 1. O incidente tirou ambos da prova, mas o francês, mesmo caindo, não sofreu nada.

Zarco falou do toque ao retornar aos pits.

"Eu saí da última curva e estava junto de Marc, então ele pegou o vácuo de Jack Miller”, disse.

“Márquez não o ultrapassou, assim ele não freou muito tarde e virou um pouco para a esquerda, onde eu estava. No final da reta, a mais de 300 km/h, toquei sua roda traseira e saí voando", disse Zarco.

Felizmente, Zarco deslizou de costas na grama sem capotar, evitando assim qualquer ferimento mais grave, sendo capaz de retornar aos boxes a pé, ainda que após um enorme choque.

"Eu tenho um pouco de dor no lado esquerdo, mas estou bem, nada quebrado, estou muito feliz de escorregar na grama e salvar o corpo. Tive muito medo, porque a velocidade era muito alta", disse ele.

O piloto da Tech 3, que chegou a se desculpar com Márquez depois de chegar aos boxes, justificou a agressividade vista nos primeiros momentos da prova devido à necessidade de não desistir.

"Você tem que ser super agressivo, porque se você não fizer isso, você não pode fazer nada. Eu não pude parar mais, talvez eu devesse ter freado antes, mas foi um pouco complicado", encerrou.

Próximo artigo
Márquez: Incidente “assustador” com Zarco foi “de corrida”

Artigo anterior

Márquez: Incidente “assustador” com Zarco foi “de corrida”

Próximo artigo

Corrida em Phillip Island será uma hora mais cedo em 2019

Corrida em Phillip Island será uma hora mais cedo em 2019
Carregar comentários

Sobre esta matéria

Categoria MotoGP
Evento GP da Austrália
Sub-evento Corrida
Localização Phillip Island Grand Prix Circuit
Pilotos Johann Zarco
Autor Oriol Puigdemont