NASCAR: Tarso Marques disputará oito provas da Cup Series em 2022 com Stange Racing

Anúncio confirma a volta de um piloto brasileiro ao grid da principal categoria da NASCAR após oito anos

NASCAR: Tarso Marques disputará oito provas da Cup Series em 2022 com Stange Racing
Carregar reprodutor de áudio

O Brasil terá novamente um piloto na principal categoria da NASCAR, a Cup Series. Tarso Marques disputará oito provas da temporada 2022 com a equipe Stange Racing, única equipe na NASCAR baseada em Chicago, no estado de Illinois.

Sua estreia no grid da NASCAR será em 03 de julho em Road America, com passagens ainda pelo lendário Indianápolis Motor Speedway, no circuito misto, Watkins Glen, Daytona, Charlotte, Las Vegas, Homestead-Miami e fechando na grande final da Cup em Phoenix em 06 de novembro.

Leia também:

Marques possui uma vasta experiência no automobilismo, tendo disputado 24 GPs de Fórmula 1 com a Minardi entre 1996 e 2001, tendo como melhor resultado dois nonos lugares nos GPs do Brasil e do Canadá de 2001. Nesse meio tempo, ainda correu nos Estados Unidos na Champ Car pela Penske e Dale Coyne Racing. Marques ainda competiu em campeonatos como FIA GT, Boss GP, Endurance Brasil, TC2000 e Stock Car.

A chegada de Marques à Cup se deu pela parceria entre a equipe Stange Racing e a empresa de desenvolvimento de blockchain Dignity Gold, e deve incluir a participação do brasileiro em outros eventos ao longo de 2022.

A Stange Racing fez sua estreia na ARCA Racing Series, uma das categorias sancionadas pela NASCAR, em 2014. Em 2019, fez sua estreia na Indy, disputando as 500 Milhas de Indianápolis com o espanhol Oriol Servià.

John Strange Jr, presidente e CEO da Stange Racing, falou sobre a novidade: “Estamos entusiasmados com investidores e a comunidade do automobilismo se unindo com esta parceria da Dignity Gold, trazendo valor para as pistas e fãs de corrida que possuem uma paixão por títulos digitais e automobilismo”.

“Com um piloto experiente como Tarso ao volante, estamos muito otimistas em competir na NASCAR Cup Series este ano, e também em outras corridas em diferentes categorias que estão por vir. Estou ansioso para me juntar à Dignity e meu amigo Tarso nos programas de corrida, enquanto continuamos a construir uma equipe dos sonhos, liderando projetos emocionantes dentro e fora das pistas”.

"Foi legal como tudo aconteceu e será bem bacana. Estou bem feliz que tudo tenha dado certo", disse Marques.

Marques será o terceiro brasileiro a correr na Cup Series. O primeiro foi Christian Fittipaldi, que fez sua estreia em Phoenix no final de 2002 antes de disputar a maior parte da temporada de 2003, tendo como melhor resultado um 24º lugar em Pocono a bordo do Dodge da equipe do lendário Lee Patty.

O segundo foi Nelsinho Piquet, que disputou uma etapa em Watkins Glen na temporada de 2014, terminando na 26ª posição com o Ford da Randy Humphrey Racing.

Mercedes tem PENA de Verstappen, Hamilton CRITICA Max e título de 2021 é posto na conta de DIRIGENTE

Assine o canal do Motorsport.com no YouTube

Os melhores vídeos sobre esporte a motor estão no canal do Motorsport.com. Inscreva-se já, dê o like ('joinha') nos vídeos e ative as notificações para ficar por dentro de tudo o que rola em duas ou quatro rodas.

Podcast #164 - Certezas e dúvidas após pré-temporada da F1 na Espanha

 

ACOMPANHE NOSSO PODCAST GRATUITAMENTE:

compartilhar
comentários
NASCAR: Bowman supera Larson na prorrogação e vence em Las Vegas
Artigo anterior

NASCAR: Bowman supera Larson na prorrogação e vence em Las Vegas

Próximo artigo

NASCAR: Briscoe conquista primeira vitória na Cup Series em Phoenix

NASCAR: Briscoe conquista primeira vitória na Cup Series em Phoenix