Pelo menos 22 pessoas são atropeladas após prova da NASCAR

Suspeito que teria atingido público que foi assistir corrida no Martinsville Speedway foi levado sob custódia pela polícia

Pelo menos 22 pessoas são atropeladas após prova da NASCAR

A festa de Jimmie Johnson, primeiro classificado para a grande final da NASCAR Sprint Cup 2016, foi interrompida pouco tempo depois do fim da prova. Um homem atingiu com seu carro um grupo de pessoas do lado de fora da pista após 30 minutos do término da corrida.

Pelo menos 22 pessoas foram atingidas, com vítimas entre 13 e 65 anos, sendo que 13 delas foram atendidas no próprio local, com ferimentos leves. Outras nove foram transportadas ao hospital local.

"Tudo o que sabemos agora é que um veículo atingiu pelo menos 22 pedestres e estão tentando levar os feridos ao centro médico do autódromo", disseram os organizadores ao Motorsport.com. "Os outros estão sendo tratados no Memorial Hospital."

Devido à localização do acidente, por trás das curvas 1 e 2 e da área de estacionamento, entende-se que o responsável foi uma pessoa que estava assistindo a corrida.

Clay Campbell, presidente do Martinsville Speedway, disse que o condutor do veículo foi detido pela polícia.

"Nenhuma das lesões parecia ser grave, mas o número de feridos poderia alterar", disse Campbell.

Post-race accident
Foto de Lee Spencer
compartilhar
comentários
Johnson vence, se garante na final e vê hepta de perto

Artigo anterior

Johnson vence, se garante na final e vê hepta de perto

Próximo artigo

Chuva encurta prova do Texas, Edwards vence e vai à final

Chuva encurta prova do Texas, Edwards vence e vai à final
Carregar comentários