Buemi ainda espera que conflito entre WEC e F-E seja evitado

Piloto das duas categorias mantém esperanças de que FIA mude datas e evite que etapa de Nurburgring do WEC e ePrix de Nova York sejam realizados no mesmo dia

Buemi ainda espera que conflito entre WEC e F-E seja evitado
Podium: Race winner Sébastien Buemi, Renault e.Dams; second place Sam Bird, DS Virgin Racing; third place Felix Rosenqvist, Mahindra Racing
Sébastien Buemi, Renault e.Dams
Sébastien Buemi, Renault e.Dams
Sebastien Buemi, Toyota Racing
#5 Toyota Racing Toyota TS050 Hybrid: Sébastien Buemi, Kazuki Nakajima, Anthony Davidson
#5 Toyota Racing Toyota TS050 Hybrid: Sébastien Buemi, Kazuki Nakajima, Anthony Davidson
#6 Toyota Racing Toyota TS050 Hybrid: Stéphane Sarrazin, Mike Conway, Kamui Kobayashi, #5 Toyota Racing Toyota TS050 Hybrid: Sébastien Buemi, Kazuki Nakajima, Anthony Davidson

Sébastien Buemi, que compete com a Toyota no WEC e na Renault e.dams pela Fórmula E, é o nome mais citado daqueles afetados caso os eventos de Nurburgring e New York, que acontecem no dia 16 de julho do próximo ano, se confirme.

Com o GP da Alemanha saindo do calendário Fórmula 1, teoricamente deixa o fim de semana de 23 de julho apto para o WEC, se Nurburgring mudar sua programação, já que essa hipótese não era considerada antes.

Falando no evento de gala da FIA em Viena, Buemi diz que ainda está esperançoso que o conflito seja evitado.

"Tivemos apenas duas corridas na Fórmula E e foi ótimo começar com duas vitórias", disse Buemi. "Pode haver um choque entre WEC e Fórmula E, então o WEC será minha escolha."

"Mas espero que a FIA consiga encontrar uma solução e evitar isso."

Afirmando que seu contrato com a Toyota tem prioridade, Buemi sugeriu que possa haver margem para negociação com a marca japonesa, se sua defesa do título da Fórmula E estiver em perigo.

Há um precedente de que equipes da LMP1 possam ter dois pilotos por carro, como quando Buemi e Anthony Davidson disputaram a segunda metade da temporada de 2014 como dupla, após a saída de Nicolas Lapierre.

"Será importante discutir isso com a Toyota ou quem sabe poderemos ter pontos suficientes no campeonato da Fórmula E", concluiu Buemi.

Relatos adicionais por Jonathan Noble

compartilhar
comentários
Classe GTE ganha status de campeonato mundial da FIA

Artigo anterior

Classe GTE ganha status de campeonato mundial da FIA

Próximo artigo

Motorsport.com elege di Grassi piloto do ano na LMP1

Motorsport.com elege di Grassi piloto do ano na LMP1
Carregar comentários

Sobre esta matéria

Categoria WEC
Pilotos Sébastien Buemi
Equipes Toyota Racing , DAMS
Autor Jamie Klein