Oreca confirma parceria com a Rebellion no retorno à LMP1

A construtora francesa Oreca foi confirmada como a fabricante de chassis para a Rebellion Racing em seu retorno à classe LMP1 para a temporada 2018/2019 do WEC, o Mundial de Endurance.

Oreca confirma parceria com a Rebellion no retorno à LMP1
Carregar reprodutor de áudio

Depois de a Rebellion descer para a LMP2 em 2017 e vencer o título com o equipamento da Oreca, havia ficado quase garantido que a aliança entre as duas partes continuariam durante o retorno da equipe suíça à principal divisão do WEC em 2018.

Agora, a Oreca confirmou que irá produzir o protótipo que será chamado de Rebellion R13, que será revelado no Salão de Genebra, no próximo mês.

O carro usará uma versão melhorada do motor 4,5 litros aspirado da Gibson, que já vinha sendo utilizado desde os tempos de LMP2.

“Desenhar este novo protótipo da LMP1 é um desafio maravilhoso”, disse o diretor executivo da Oreca, Hugues de Chaunac.

“Quando começamos o desenvolvimento do Oreca 07, nós realmente queríamos subir para o próximo nível, um acima em comparação ao do Oreca 05.”

“O sucesso alcançado no último ano realmente nos motivou e nos convenceu a encarar essa categoria principal altamente competitiva.”

“Junto de um motor atmosférico, este LMP1 terá uma tarefa difícil contra os carros híbridos. Mas o Rebellion R13 será um desafiante muito determinado.”

A aliança entre a Oreca e a Rebellion teve início em 2014, quando o chamado R-One foi introduzido para substituir o antigo carro da equipe, da Lola.

A Rebellion entrará na campanha do WEC com os pilotos Andre Lotterer, Neel Jani, Bruno Senna, Mathias Beche, Gustavo Menezes e Thomas Laurent.

compartilhar
comentários
Alonso faz primeiro teste com Toyota LMP1 de 2018
Artigo anterior

Alonso faz primeiro teste com Toyota LMP1 de 2018

Próximo artigo

Fisichella retorna ao WEC com a Ferrari na classe GTE Am

Fisichella retorna ao WEC com a Ferrari na classe GTE Am