Fórmula 1
25 mar
Próximo evento em
27 dias
06 mai
Próximo evento em
69 dias
20 mai
Próximo evento em
83 dias
R
GP do Azerbaijão
03 jun
Próximo evento em
97 dias
10 jun
Próximo evento em
104 dias
24 jun
Próximo evento em
118 dias
R
GP da Áustria
01 jul
Próximo evento em
125 dias
R
GP da Grã-Bretanha
15 jul
Próximo evento em
139 dias
29 jul
Próximo evento em
153 dias
R
GP da Bélgica
26 ago
Próximo evento em
181 dias
02 set
Próximo evento em
188 dias
09 set
Próximo evento em
195 dias
23 set
Próximo evento em
209 dias
R
GP de Singapura
30 set
Próximo evento em
216 dias
07 out
Próximo evento em
223 dias
21 out
Próximo evento em
237 dias
28 out
Próximo evento em
244 dias
R
GP da Arábia Saudita
03 dez
Próximo evento em
280 dias
R
GP de Abu Dhabi
12 dez
Próximo evento em
289 dias

Binotto defende que "não há arrependimento" da Ferrari por não contratar Hamilton

Chefe da Ferrari defendeu sua dupla de pilotos atual, afirmando que a equipe está "muito forte"

compartilhar
comentários
Binotto defende que "não há arrependimento" da Ferrari por não contratar Hamilton

O heptacampeão da Fórmula 1 Lewis Hamilton já admitiu anteriormente que chegou a ter conversas com a Ferrari sobre uma possível vaga na equipe italiana em anos anteriores, algo que nunca chegou a se concretizar. E em meio a pior fase da marca em décadas na categoria, Mattia Binotto, chefe da Ferrari, afirmou que "não haverá arrependimentos" do fato de não ter conseguido assinar com o piloto britânico.

Hamilton segue sem um contrato para a temporada 2021, apesar de que parece ser apenas questão de tempo para que sua renovação com a Mercedes seja confirmada.

Leia também:

Antes do GP do Bahrein do ano passado, ele revelou uma conversa no passado com o então presidente-executivo da Ferrari, John Elkann, que não avançou, para reafirmar que sua pretensão era de seguir com a Mercedes no Mundial.

"Eu nunca estive perto de deixar meu time", disse ele. "Quando você está olhando para suas próximas fases, você tem que analisar quais são suas opções. E se certificar de ter feito a devida análise com os prós e os contras.”

“Não sei necessariamente se nossos valores estavam alinhados e o timing, simplesmente não era para ser. Não estou incomodado com isso. Estou muito orgulhoso e grato pela jornada que fiz com a Mercedes."

Em entrevista à Sky Sports F1, Binotto defendeu que não há nenhum arrependimento com o fato da marca não ter assinado com o heptacampeão, afirmando que foram tomadas as decisões corretas ao longo dos anos e que a dupla atual de pilotos, Charles Leclerc e Carlos Sainz é muito forte.

"Não acho que haverão arrependimentos no final das contas, porque tomamos decisões que achávamos que eram as corretas e hoje temos um piloto fantástico como Charles, que investimos muito e sempre esteve ligado à Ferrari", disse Binotto.

"Acredito que ele é muito talentoso. Se ele tiver o carro ideal, tenho certeza de que poderá desafiar Hamilton".

"Tomamos nossas decisões e acho que, junto com Carlos, somos muito fortes. Não acho que teremos nenhum arrependimento".

Nova parceria com ThePlayer.com, a melhor opção para apostas e diversão no Brasil

Registre-se gratuitamente no ThePlayer.com e acompanhe tudo sobre Fórmula 1 e outros esportes! Você confere o melhor conteúdo sobre o mundo das apostas e fica por dentro das dicas que vão te render muita diversão e também promoções exclusivas. Venha com a gente!

GROSJEAN exibe pela PRIMEIRA VEZ mãos QUEIMADAS, CHOCA fãs e tem futuro INCERTO

PODCAST: Vettel, Alonso, Schumacher, eventos e mais: o que esperar da F1 em 2021?

 

Haas sente "honra e pressão" ao trazer nome Schumacher de volta à F1

Artigo anterior

Haas sente "honra e pressão" ao trazer nome Schumacher de volta à F1

Próximo artigo

Quarentena de 14 dias foi principal motivo por trás de adiamento do GP da Austrália para novembro

Quarentena de 14 dias foi principal motivo por trás de adiamento do GP da Austrália para novembro
Carregar comentários

Sobre esta matéria

Categoria Fórmula 1
Autor Redação Motorsport.com