Buemi vence em NY; Di Grassi é 5º e se mantém vivo na disputa pelo título da F-E

compartilhar
comentários
Buemi vence em NY; Di Grassi é 5º e se mantém vivo na disputa pelo título da F-E
13 de jul de 2019 20:56

Brasileiro viu Jean-Eric Vergne ter problemas no início e no fim da prova. Massa foi o 16º

Sebastien Buemi conquistou sua primeira vitória da temporada da Fórmula E, ao se manter na frente do início ao fim em Nova York. O piloto suíço, que também foi o pole position, teve que se defender em alguns momentos da corrida, mas soube garantir o triunfo. Mitch Evans e Antonio Felix da Costa completaram o pódio.

Mais atrás, a briga no pelotão intermediário pegava fogo, com os envolvidos pelo título do campeonato. Jean-Eric Vergne se envolveu em um acidente no início e no fim da prova, o deixando apenas na 15ª posição, sem pontuar. Lucas di Grassi, fez corrida de recuperação, e conseguiu garantir a quinta colocação, se mantendo ainda vivo na disputa pelo bicampeonato.

Com os resultados, o brasileiro tem 108 pontos, contra 130 de Vergne, que ainda tem situação confortável para o título.

Felipe Massa também vinha fazendo boa prova de recuperação, mas se envolveu em um acidente com Vergne na última volta e acabou em 16º.

 

A Corrida

Buemi manteve a liderança, seguido de Lynn e Sims. Di Grassi perdeu uma posição, mas se recuperou.

Nos primeiros minutos, um acidente envolvendo Andre Lotterer, após toque dos carros da Dragon, prejudicou seu companheiro, Vergne, que foi obrigado a entrar nos pits para trocar o bico. Massa se aproveitou e subiu para o 12º posto, após a confusão.

Faltando 36 minutos, di Grassi utilizou o primeiro modo ataque da corrida, na busca da zona de pontuação. E isso aconteceu cinco minutos depois, após superar Frijns pelo 10º posto. A esta altura, Vergne era apenas o 19º.

A primeira metade da corrida foi marcada pelo pega entre Buemi, líder, e Lynn, com o britânico tentando se aproveitar do modo ataque, mas sem sucesso.

Restando 25 minutos, foi divulgado os contemplados com o FanBoost: Buemi, Abt, Di Grassi, Félix da Costa e Vandoorne.

Lynn teve problemas de bateria e parou na pista quando faltavam 22 minutos, trazendo a bandeira amarela local e o safety car depois.

Na relargada, faltando 15 minutos, Sims pressionou Buemi pela liderança, com o suíço prevalecendo. Já seu companheiro, Abt, se complicou, após perder o terceiro posto e caiu para o oitavo lugar. A esta altura, di Grassi já era o oitavo, utilizando o modo ataque novamente.

Evans ganhava a segunda posição quando restavam 10 minutos, após bela ultrapassagem sobre Sims, que perdia outra posição para Félix da Costa, em seguida.

Massa se envolveu em um toque com Mortara, com o suíço levando a pior. Di Grassi continuava sua escalada, chegando à sexta colocação que poderia a quinta, já que Bird havia sido punido em 10 segundos pela direção de prova.

Com a ajuda do modo ataque, Vergne conseguiu entrar no top-10 nos minutos finais, o que o faria somar um ponto na tabela. Di Grassi conseguia efetivamente a quinta posição ao superar Bird.

Na última volta, uma grande confusão envolvendo os dois pilotos da Techeetah e Felipe Massa deixou o líder do campeonato com o carro destruído e o fazendo cruzar a linha em 15º. O brasileiro caiu para 16º.

Buemi cruzou a linha de chegada em primeiro, seguido de Evans e Félix da Costa. Di Grassi foi o 5º.

A grande final da temporada 2018/2019 da Fórmula E acontece neste domingo, às 17h.

Resultado final

Cla   # Piloto Equipe Voltas Tempo Diferença Intervalo km/h Abandono Pontos
1   23 Switzerland Sébastien Buemi  Nissan e.dams 36 46'16.399         25
2   20 New Zealand Mitch Evans  Jaguar Racing 36 46'17.331 0.932 0.932     18
3   28 Portugal Antonio Felix da Costa  Andretti Autosport 36 46'17.615 1.216 0.284     15
4   27 United Kingdom Alexander Sims  Andretti Autosport 36 46'19.370 2.971 1.755     12
5   11 Brazil Lucas di Grassi  Audi Sport Team Abt 36 46'19.936 3.537 0.566     10
6   66 Germany Daniel Abt  Audi Sport Team Abt 36 46'20.779 4.380 0.843     8
7   94 Germany Pascal Wehrlein  Mahindra Racing 36 46'22.942 6.543 2.163     6
8   2 United Kingdom Sam Bird  Virgin Racing 36 46'30.228 13.829 7.286     4
9   64 Belgium Jérôme d'Ambrosio  Mahindra Racing 36 46'35.118 18.719 4.890     2
10   16 United Kingdom Oliver Turvey  NIO Formula E Team 36 46'41.437 25.038 6.319     1
11   17 United Kingdom Gary Paffett  HWA AG 36 46'44.230 27.831 2.793      
12   7 Argentina Jose Maria Lopez  Dragon Racing 36 46'51.128 34.729 6.898      
13   5 Belgium Stoffel Vandoorne  HWA AG 36 47'06.963 50.564 15.835      
14   22 United Kingdom Oliver Rowland  Nissan e.dams 36 47'40.361 1'23.962 33.398      
15   25 France Jean-Eric Vergne  Techeetah 36 47'50.907 1'34.508 10.546      
16   19 Brazil Felipe Massa  Venturi 35 45'11.810 1 Lap 1 Lap      
17   36 Germany Andre Lotterer  Techeetah 35 47'16.952 1 Lap 2'05.142      
  dnf 6 Germany Maximilian Gunther  Dragon Racing 28 36'40.363 8 Laps 7 Laps   Abandono  
  dnf 48 Switzerland Edoardo Mortara  Venturi 27 35'24.978 9 Laps 1 Lap   Abandono  
  dnf 3 United Kingdom Alex Lynn  Jaguar Racing 18 22'12.568 18 Laps 9 Laps   Abandono  
  dnf 4 Netherlands Robin Frijns  Virgin Racing 15 19'08.181 21 Laps 3 Laps   Abandono  
  dnf 8 France Tom Dillmann  NIO Formula E Team 1 1'29.282 35 Laps 14 Laps   Abandono

 

Próximo artigo
Fórmula E: Buemi conquista pole para corrida 1 de Nova York; Di Grassi é 14º

Artigo anterior

Fórmula E: Buemi conquista pole para corrida 1 de Nova York; Di Grassi é 14º

Próximo artigo

TABELA: Vergne pode garantir bicampeonato com 6º lugar neste domingo

TABELA: Vergne pode garantir bicampeonato com 6º lugar neste domingo
Carregar comentários

Sobre esta matéria

Categoria Fórmula E