Em 4º, Button relata "susto" em disputa com Alonso na primeira volta

Britânico elogiou melhora do carro. Já Magnussen chegou em 5º, após grande largada e corrida "monótona".

Em 4º, Button relata "susto" em disputa com Alonso na primeira volta
Desde o primeiro dia de treinos livres, a McLaren sempre mostrou uma ótima adaptação ao novo circuito russo de Sochi. O bom desempenho se confirmou no sábado, com o quarto lugar de Button no grid e neste domingo, com o britânico mantendo a quarta colocação, logo à frente do companheiro Kevin Magnussen. O dinamarquês largou em 11º, devido a uma punição por troca de câmbio.

[publicidade] O britânico ressaltou a melhora do carro nas últimas corridas e o pouco desgaste de pneus, que deve ocorrer também em Austin. “Acho que tiramos o máximo do carro. Foi estranho, pois fomos capazes de dar muitas voltas com um único jogo de pneus. Com os médios, parecia que poderíamos pilotar para sempre, o que lembrou ‘a velha escola’ da F1. A superfície em Austin é parecida com a daqui, então estou ansioso para ver como será o desgaste lá. Tem sido um ano difícil para nós, mas a melhora nas últimas corridas tem sido clara”, disse Button, que relatou ter tomado um susto no começo da prova.

“Levei um pequeno susto na primeira volta, na curva três, quando Fernando (Alonso) e eu ficamos muitos próximos, mas fora isso foi uma corrida bem simples. Quando não estamos sempre queremos mais, mas repito: tiramos o máximo do carro”, avaliou.

Magnussen, que fez uma ótima largada, recuperando as posições perdidas pela punição, exaltou sua primeira volta. “Eu decidi não economizar nada no início, me esforçando para recuperar o máximo de posições possível e funcionou. Logo na primeira volta já estava na quinta posição. No entanto, isso me custou um pouco caro, pois, depois disso, precisei economizar bastante combustível, principalmente na segunda metade da corrida. Mesmo assim, foi uma tarde bem monótona para mim. Quase um passeio de domingo”, relatou o piloto, que correu grande parte da prova sem brigar por posições.
compartilhar
comentários
Em grande recuperação, Nasr vai de 17º para pódio; Negrão é sexto

Artigo anterior

Em grande recuperação, Nasr vai de 17º para pódio; Negrão é sexto

Próximo artigo

Hamilton supera 'melhor ano' de ídolo Senna e se aproxima do topo na Grã-Bretanha

Hamilton supera 'melhor ano' de ídolo Senna e se aproxima do topo na Grã-Bretanha
Carregar comentários