Domenicali afirma que F1 precisa colocar os pilotos no centro novamente

CEO da F1 ainda analisou algumas das mudanças que pretende implementar na categoria

Domenicali afirma que F1 precisa colocar os pilotos no centro novamente

O CEO da Fórmula 1 Stefano Domenicali descreveu quais são as diretrizes de seu mandato: reduzir custos a fim de atrair novos fabricantes para os GPs, oferecendo um espetáculo menos previsível graças a pilotos como Hamilton. 

Stefano Domenicali ainda não pisou em seu escritório em Londres. A pandemia o impede de trabalhar na sede da F1, mas o novo chefe da categoria não precisa estar no deck de comando para guiar o navio.

Leia também:

Mesmo da Itália ele consegue acompanhar o que está acontecendo e tem plena consciência de que vive um momento de transição que deve sancionar uma mudança, trazendo as corridas para um ambiente com mais sintonia com o mundo em que vivemos.

Em uma entrevista ao Corriere della Sera, Domenicali destacou alguns pontos interessantes sobre o assunto.

“O tema dos carros hoje desperta sentimentos contraditórios. Objetos de desejo, mas também elementos perturbadores. A F1 deve superar tudo isso, oferecer um belo desafio tecnológico dominado por pilotos-heróis”.

De acordo com o dirigente italiano, os pilotos, sendo os principais protagonistas do espetáculo, devem ser colocados de volta ao centro de um fim de semana de GP, indo além dos carros. 

“Bem, penso em figuras que pertencem ao espírito competitivo e que, ao mesmo tempo, sabem representar valores universais, de forma a tornar a nossa plataforma mais atrativa para os atuais e futuros parceiros. Algo que faz qualquer um se apaixonar. Quando falamos ‘Corremos como um só’, enviamos uma mensagem em que realmente acredito, faz com que os jovens entendam que correr não é um mundo à parte, mas também faz parte do seu mundo.”

“Hamilton, que pretende se tornar o único piloto com 8 títulos e, enquanto isso, comunica suas ideias, atrai pessoas que estão mais longe da competição. É por isso que vou conhecer todos os pilotos: é importante que cada um deles compreenda a importância do seu papel não só como profissional, mas como homem que se preocupa com o que o rodeia”, acrescentou.

A Comissão da F1 aprovou o congelamento de motores a partir de 2022: segundo alguns, o DNA da mais alta categoria do automobilismo está sendo distorcida.

“Acho que não. O nível tecnológico das unidades de energia é estelar, único no mundo. Precisamos pensar em sustentabilidade. Uma empresa não aborda um projeto se os custos e o retorno do investimento não são claros, uma atitude que nunca existiu na F1".

"Dissemos a nós mesmos: poupamos em frentes menos importantes para relançar novos desenvolvimentos, para permitir que equipes sobrevivam e outras empresas se envolvam, sem perder o encanto.”

Outro assunto complicado são as provas de classificação. Domenicali não se escandaliza, pelo contrário.

“Aumentar a atenção do público e melhorar o nível comercial da nossa oferta: as medidas corretivas ao formato vêm daqui. Televisores, organizadores, fãs pedem para inovar. Nós tentamos. Podemos experimentar corridas de velocidade em três ocasiões, tornando o fim de semana espetacular. O DNA da F1 não muda, mas é certo corresponder a uma expectativa”.

Nova parceria com ThePlayer.com, a melhor opção para apostas e diversão no Brasil

Registre-se gratuitamente no ThePlayer.com e acompanhe tudo sobre Fórmula 1 e outros esportes! Você confere o melhor conteúdo sobre o mundo das apostas e fica por dentro das dicas que vão te render muita diversão e também promoções exclusivas. Venha com a gente!

F1 na BAND - BARRICHELLO e cia: quem são os NOMES sondados para completar a equipe de transmissão

Podcast #088 - F1 na Band e o 'fico' de Hamilton: o que esperar de 2021?

 

 

compartilhar
comentários
F1: Justiça exige fiança de R$ 20 mi para SP realizar GPs; prefeitura 'se defende'

Artigo anterior

F1: Justiça exige fiança de R$ 20 mi para SP realizar GPs; prefeitura 'se defende'

Próximo artigo

F1: McLaren dá primeiras voltas com MCL35M em Silverstone

F1: McLaren dá primeiras voltas com MCL35M em Silverstone
Carregar comentários

Sobre esta matéria

Categoria Fórmula 1
Autor Redação Motorsport.com