F1 - Hamilton mantém otimismo para a temporada: "Ainda estou na luta por esse título"

Heptacampeão falou sobre como vem ajudando a Mercedes a resolver seus problemas, incluindo trabalhos no simulador da equipe

F1 - Hamilton mantém otimismo para a temporada: "Ainda estou na luta por esse título"
Carregar reprodutor de áudio

A Mercedes luta contra o tempo em busca de virar o jogo contra a Red Bull pelo título de 2021 da Fórmula 1. E mesmo sem ter a liderança dos Mundiais de Pilotos e Construtores neste momento, o heptacampeão Lewis Hamilton diz que não abaixa a cabeça e segue ajudando sua equipe a fazer o máximo neste ano para se manter vivo na luta.

Após duas corridas ruins, em Mônaco e Baku, a Mercedes recuperou sua forma, mas viu a Red Bull dar um importante passo adiante, garantindo quatro vitórias consecutivas e uma boa vantagem na liderança. 

Leia também:

Neste fim de semana, tudo indica que teremos uma repetição do resultado da semana passada, com a Red Bull tendo novamente a vantagem em casa. Mas Hamilton tem a esperança de uma melhora das próximas corridas, aproveitando o fato da temporada ainda não ter chegado à metade.

Perguntado sobre a expectativa na luta pelo título após o avanço da Red Bull nas últimas corridas durante a coletiva pré-GP da Áustria, Hamilton reforçou que ainda está vivo na luta, já que o campeonato ainda nem chegou na metade.

"Obviamente eles fizeram um ótimo trabalho nas últimas corridas. Tem sido muito difícil para nós a partir de Mônaco, que foi um desastre, assim como Baku. Foi melhor na França e na última, mas eles deram um passo adiante".

"Então estamos trabalhando duro para ver se é possível reduzir a diferença, e ainda não estamos nem na metade da temporada. Então ainda estou na luta por esse título".

Enquanto o GP da Áustria parece encaminhado para a Red Bull novamente, Silverstone parece ser um campo mais aberto, com cada equipe conquistando uma vitória na pista inglesa em 2020. E isso alimenta as esperanças de Hamilton.

"Espero que seja melhor que aqui. Mas vamos esperar para ver. Definitivamente é uma pista diferente, com outra superfície. Obviamente muitas retas e a Red Bull está forte nisso agora. Porém, tenho esperança de que seja uma pista decente para nós".

Questionado novamente sobre a situação do campeonato, Hamilton defendeu que não está preocupado.

"No momento não me encontro tão preocupado com isso. É um momento onde todos estamos dando o nosso melhor. Claro, gostaríamos de ter mais ritmo".

"Obviamente eles continuam avançando mas não posso ficar preso nessa bolha de preocupações. O que preciso fazer agora é colocar toda a minha energia para garantir que esteja preparado, ajudando engenheiros. Temos ótimas conversas".

"É realmente um momento de nos unirmos e darmos o nosso melhor para resolver os problemas que temos. E é isso que fazemos, é por isso que somos campeões, e temos confiança no que podemos fazer como equipe".

Para ajudar a Mercedes, Hamilton intensificou os trabalhos no simulador da equipe, em Brackley, no Reino Unido. E o heptacampeão diz que isso faz parte de sua campanha para ajudar a Mercedes a resolver seus problemas.

"Não posso dizer necessariamente que estou gostando disso. Acho que, particularmente após as últimas corridas difíceis, tinha que ir e ver se poderia ajudar a equipe a se preparar melhor. Acho que tiramos coisas boas dali, mas nada que mude tudo".

"Eu continuarei trabalhando com eles e temos pilotos que fazem um bom trabalho. Acho que precisamos trabalhar no processo de comunicação com eles dentro do programa. Ver se estamos testando as coisas corretamente. Então, no geral, diria que é positivo".

EXCLUSIVO: Entenda o que há de REAL no discurso da MERCEDES de ABANDONAR temporada e pensar em 2022

Assine o canal do Motorsport.com no YouTube

Os melhores vídeos sobre esporte a motor estão no canal do Motorsport.com. Inscreva-se já, dê o like ('joinha') nos vídeos e ative as notificações, para sempre ficar por dentro de tudo o que rola em duas ou quatro rodas.

PODCAST: Mercedes jogou a toalha para 2021 após derrota na Estíria?

 

SIGA NOSSO PODCAST GRATUITAMENTE:

compartilhar
comentários
F1 - Pérez: Batalhas com Hamilton e Verstappen me levam "a novo nível"
Artigo anterior

F1 - Pérez: Batalhas com Hamilton e Verstappen me levam "a novo nível"

Próximo artigo

F1: Verstappen acredita que GP será "mais desafiador que o da semana passada"

F1: Verstappen acredita que GP será "mais desafiador que o da semana passada"
Carregar comentários