Pilotos sem contrato tentam causar boa impressão em Interlagos

Sem destino certo para a próxima temporada, pilotos como Pérez, Gutiérrez e Maldonado explicam suas situações

Pilotos sem contrato tentam causar boa impressão em Interlagos

Nesta quinta-feira, o TotalRace ouviu em Interlagos os pilotos da F-1 que ainda têm o seu futuro indefinido para o próximo ano. Entre eles, Pérez mostrou grande confiança em estar no grid, apesar de ter sido demitido da McLaren há pouco mais de uma semana. Maldonado vê com clareza seu futuro, afirmando ter certeza em sua permanência na Formula 1, assim como Nico Hülkenberg, que pediu posição mais firme da equipe Lotus.

Correndo por fora, Gutiérrez, Van der Garde, Chilton e Pic também se mostraram otimistas para continuar na categoria na próxima temporada. Veja:

Sergio Pérez: “Minha chance de continuar na F1 em 2014 é muito grande: 95%. Mas os outros cinco também representa bastante. Posso estar ou posso não estar, mas estou confiante. Uma das opções é voltar para Sauber, mas existem outras. Force India é uma delas, mas não há uma conversa muito profunda lá. Quer dizer, todos os times que não definiram seus pilotos aparecem como uma possibilidade.”

Nico Hülkenberg: “Não é apenas uma situação de eu estar esperando a Lotus e a Quantum. Isso não é verdade. É uma questão de juntar tudo e fazer o acordo correto com as equipes que me interessam. A conversa da Lotus já se prolongou por semanas e é um processo que está em andamento, mas não é uma questão de eu estar esperando por eles. Há perigo (de não estar no grid ano que vem), por isso é importante manter ouvido e olhos abertos, mas o mais importante é que as equipes estão interessadas. Há uma grande chance de eu estar aqui.”

Esteban Gutiérrez: “Estamos trabalhando para consolidar uma posição. Acho que há grandes oportunidades para continuar na Fórmula 1, e tão logo consigamos, vamos divulgar. Temos como prioridade a Sauber. É importante ter continuidade. Mas também temos que deixar os caminhos abertos para as outras equipes.”

Pastor Maldonado: “Para o futuro, espero ter uma resposta rápida. Espero poder dizer logo. Na verdade, já sei para qual equipe vou. Espero a confirmação, que eu não tenho ainda, mas espero que seja uma equipe que me queira que me apoie e, sobretudo, consigamos bons resultados.”

Max Chilton: “Tivemos algumas discussões nas últimas semanas, e estou feliz, as conversas foram muito bem. Estamos concentrados em continuar na equipe no ano que vem e ter uma chance melhor. A Marussia tem sido ótima para mim, eles me deram uma grande chance na Fórmula 1. Não é fácil de onde estamos. Vamos tentar conseguir o 10º nos construtores, que predemos no ano passado a cinco voltas do fim.”

Giedo van der Garde: “Não dá para dizer muito ainda, nós ainda estamos negociando. Espero que possamos fazer um bom trabalho aqui. Acho que um bom trabalho pode ser bom para nos colocar bem para o ano que vem. Acho que no geral já mostramos o que podemos fazer, e neste ano mostrei o que posso fazer.”

Charles Pic: “Para o ano que vem estamos conversando, não temos nada, mas estou focado em continuar na equipe. Podemos ficar sem lugar, mas é assim que as coisas acontecem, então nós precisamos fazer o melhor neste fim de semana e tentar uma posição melhor para a equipe.”

compartilhar
comentários
Hulkenberg vê relação especial com Interlagos: "Sinto a vibração"
Artigo anterior

Hulkenberg vê relação especial com Interlagos: "Sinto a vibração"

Próximo artigo

Massa usa macacão com cores do Brasil em último GP pela Ferrari

Massa usa macacão com cores do Brasil em último GP pela Ferrari
Carregar comentários