Pirelli sugere dividir pré-temporada em Barcelona e Bahrein

Fornecedora de pneus da F1, a Pirelli indicou que seria uma boa ideia se a categoria dividisse os locais da pré-temporada e realizasse testes em Barcelona e no Bahrein antes do começo do campeonato.

Pirelli sugere dividir pré-temporada em Barcelona e Bahrein
Carregar reprodutor de áudio

Nos últimos anos, a F1 tem concentrado seus testes preparatórios no circuito espanhol. Porém, em 2018, as atividades foram amplamente comprometidas por problemas climáticos, sendo que, inclusive, chegou a nevar durante os treinos.

Além disso, a baixa temperatura do asfalto também dificulta a análise dos compostos, já que há uma dificuldade adicional em colocar a borracha em sua janela de temperatura ideal.

No entanto, há outras dificuldades técnicas e logísticas para realizar os testes de forma integral no Oriente Médio. Por isso, Mario Isola, diretor da Pirelli na F1, sugeriu que houvesse a divisão de locais. 

“No Bahrein, sabemos que teremos condições climáticas que são mais consistentes”, disse, segundo o site Crash.net. “Sabemos que, se formos ao Bahrein, é muito difícil encontrarmos chuva ou uma temperatura que não esteja na casa de 25-30º. Nesse sentido, o Bahrein é mais representativo para os testes de pneus.”

“Por outro lado, Barcelona é mais completo. O traçado é mais completo. Bahrein trata-se de freadas e tração. Não há muitas curvas de alta velocidade, sendo que, em Barcelona, você tem um pouco de tudo. Então há prós e contras se formos ao Bahrein ou a Barcelona.”

“É por isso que houve algumas conversas sobre isso. Faz sentido ter quatro dias no Bahrein e quatro em Barcelona – de preferência na ordem inversa, porque você voa nessa direção, então precisa ir primeiro a Barcelona.”

“Se você fizer ambos, você reduz os contras e aumenta os prós. É preciso considerar as implicações logísticas, mas é algo factível”, completou.

compartilhar
comentários
Vasseur não acredita em sucesso da Sauber em curto prazo
Artigo anterior

Vasseur não acredita em sucesso da Sauber em curto prazo

Próximo artigo

FIA minimiza preocupações por relargadas paradas na F1

FIA minimiza preocupações por relargadas paradas na F1