Fórmula 1
01 nov
-
03 nov
Evento encerrado
MotoGP
01 nov
-
03 nov
Evento encerrado
R
GP de Valência
15 nov
-
17 nov
Próximo evento em
1 dia
IndyCar
20 set
-
22 set
Evento encerrado
NASCAR Cup
08 nov
-
10 nov
Evento encerrado
R
Homestead
15 nov
-
17 nov
Próximo evento em
1 dia
Stock Car Brasil
08 nov
-
10 nov
Evento encerrado
R
Goiânia II
22 nov
-
24 nov
Próximo evento em
8 dias

Collet projeta chegada à F1 em “quatro ou cinco anos”

compartilhar
comentários
Collet projeta chegada à F1 em “quatro ou cinco anos”
22 de jan de 2019 19:36

Piloto de 16 anos foi anunciado como novo membro do programa de jovens da Renault

A terça-feira (22) foi agitada para Caio Collet. O campeão da F4 Francesa foi anunciado como o mais novo membro do programa de jovens pilotos da Renault em um evento em São Paulo.

Falando a um grupo de jornalistas, ele comentou sobre como foi o início do processo que deve mudar bastante a sua rotina em 2019.

Leia também:

“O regulamento da F4 Francesa dizia que o campeão passaria a ser um integrante da Renault Sport Academy e com o título eu passei a integrar, mas é um contrato complicado, por isso demorou um pouco.”

“Esse ano será de muito aprendizado para mim com essa nova exposição em um ambiente de F1. Acho que vou conseguir me desenvolver bastante como piloto, principalmente com as oportunidades que a Renault tem para me dar.”

Muito em breve Collet vai ter o primeiro contato com todo o time da Renault, incluindo a dupla da F1, Daniel Ricciardo e Nico Hulkenberg.

“Daqui duas semanas vamos fazer um trainning camp com preparação física e mental, acho que isso é muito importante para a carreira de um piloto, e estou muito feliz com esse novo rumo da minha carreira.”

“Eu vou para a sede da equipe no sábado e na segunda-feira vai ser definido o meu plano. No passado, todos os pilotos juniores tiveram acesso ao simulador de F1 para se desenvolver.”

O ano de 2019 será o segundo sem ter um piloto brasileiro no grid da F1 e a expectativa cresceu com a chegada de Sérgio Sette Câmara e Pietro Fittipaldi como pilotos de testes da McLaren e Haas, respectivamente.

Mas Caio já têm uma projeção de quando poderá bater na porta da maior categoria do automobilismo mundial.

“Acho que tudo vai depender dos resultados, existem muitas variáveis, mas se tudo correr de maneira certa, daqui quatro ou cinco anos eu estarei na F1.”

Próximo artigo
Fórmula Renault NEC encerra operações e culpa FIA

Artigo anterior

Fórmula Renault NEC encerra operações e culpa FIA

Próximo artigo

Caio Collet fecha semana de treinos para Fórmula Renault Eurocup

Caio Collet fecha semana de treinos para Fórmula Renault Eurocup
Carregar comentários

Sobre esta matéria

Categoria Fórmula Renault