MotoGP
23 ago
-
25 ago
Evento encerrado
13 set
-
15 set
Evento encerrado
20 set
-
22 set
Evento encerrado
04 out
-
06 out
Evento encerrado
18 out
-
20 out
Evento encerrado
25 out
-
27 out
Próximo evento em
5 dias
R
GP da Malásia
01 nov
-
03 nov
Próximo evento em
12 dias
R
GP de Valência
15 nov
-
17 nov
Próximo evento em
26 dias

Com novo recapeamento, Silverstone fica na MotoGP até 2021

compartilhar
comentários
Com novo recapeamento, Silverstone fica na MotoGP até 2021
Por:
8 de mai de 2019 12:28

Etapa britânica da temporada 2018 foi cancelada por conta de problemas de drenagem e a categoria cobrou providências do circuito

Depois de anunciar nova reforma, o Circuito de Silverstone, na Inglaterra, garantiu uma extensão de um ano no seu atual contrato com a MotoGP, de modo que fica no calendário do campeonato pelo menos até 2021. A confirmação vem após o cancelamento da etapa britânica no ano passado, em função de chuvas. Agora, a pista será recapeada para melhor receber a categoria máxima da motovelocidade.

Os planos para o recapeamento de Silverstone foram confirmados pela primeira vez em março, como consequência do cancelamento do GP da Inglaterra no ano passado devido às chuvas. A pista já havia sido recapeada antes da corrida de 2018, mas a nova superfície foi criticada pela direção de prova, que insistiu que a água acumulada não estava sendo drenada adequadamente.

Leia também:


Carmelo Ezpeleta, chefe da Dorna, que organiza a MotoGP, já tinha dito que repavimentar a pista era um pré-requisito para Silverstone manter o evento para além de 2020, último ano do contrato até a extensão divulgada agora.  Ao contrário do recapeamento anterior, que foi realizado pela Aggregate Industries, o novo trabalho - agendado para junho - foi delegado à empresa de soluções de construção Tarmac.

"Chegar a este ponto tem envolvido muito trabalho da equipe em Silverstone, mas estamos completamente focados em fazer o certo e tomar as decisões corretas para garantir o futuro dos nossos eventos mais importantes como a Fórmula 1 e a MotoGP", disse o diretor administrativo do circuito, Stuart Pringle.

"Temos uma empresa de renome mundial trabalhando na pavimentação da pista e temos um dos designers de circuitos mais respeitados, Jarno Zaffelli [encarregado das remodelações de 2016 na pista de Sepang, na Malásia], como consultor durante os trabalhos”.

"A extensão do contrato com a MotoGP é uma excelente notícia para todos nós em Silverstone e nos permite planejar o desenvolvimento futuro. Estamos ansiosos para fazer do fim de semana de MotoGP o melhor evento de motociclismo no calendário do Reino Unido”, completou.

Silverstone tem sido o local para o evento da Grã-Bretanha de MotoGP desde 2010. A pista ia perder o evento para um novo circuito no País de Gales, mas o governo local retirou os investimentos e a ideia morreu, de modo que a corrida se manteve na Inglaterra.

"A extensão do contrato em Silverstone é uma marca da confiança que temos no circuito para sediar um evento de MotoGP de sucesso nos próximos três anos", disse Ezpeleta. "Silverstone é um dos mais históricos e temos trabalhado em estreita colaboração com o circuito para garantir que a corrida tenha um futuro de sucesso. Estaremos ajudando com quaisquer mudanças que precisem ser feitas”.

O acordo de Silverstone para sediar seu outro grande evento, o Grande Prêmio da Inglaterra de Fórmula 1, termina no final deste ano, mas o circuito está em negociações para uma extensão.

Wet track

Wet track

Photo by: Gold and Goose / LAT Images

Próximo artigo
Dovizioso: "Ver a Honda testar um novo chassi não é algo bom"

Artigo anterior

Dovizioso: "Ver a Honda testar um novo chassi não é algo bom"

Próximo artigo

DTM: Dovizioso substituirá Fittipaldi na Audi na etapa de Misano

DTM: Dovizioso substituirá Fittipaldi na Audi na etapa de Misano
Carregar comentários

Sobre esta matéria

Categoria MotoGP
Evento GP da Grã-Bretanha
Autor Valentin Khorounzhiy