Últimas notícias

Sette Câmara é anunciado como piloto reserva de Red Bull e AlphaTauri na F1

Após anunciar sua saída da McLaren, brasileiro estará com Red Bull e AlphaTauri como piloto de testes e reserva em 2020

Sergio Sette Camara, Dams

Foram necessárias menos de 24 horas para que o brasileiro Sérgio Sette Câmara anunciasse sua nova casa na Fórmula 1, após ter divulgado ontem que seu contrato como piloto de testes da McLaren havia chegado ao fim.

Nesta segunda-feira, foi anunciado que o mineiro é o novo piloto de testes e reserva da Red Bull e da AlphaTauri para a temporada de 2020. Essa não é a primeira passagem do brasileiro com a marca, tendo feito parte da equipe júnior em 2016.

Leia também:

Sette Câmara vai dividir as funções com o suíço Sebastien Buemi, piloto reserva de anos da Red Bull e titular da equipe Nissan e.Dams na Fórmula E.

"Estou muito feliz de voltar à família Red Bull como o piloto de testes e reserva oficial para a temporada de 2020 da Fórmula 1 ao lado de Sebastien", disse o brasileiro. "Tenho assistido à F1 desde que tinha 5 anos de idade e estou muito feliz de receber essa oportunidade de trabalhar com a Aston Martin Red Bull Racing e a Scuderia AlphaTauri".

Liberado do programa da Red Bull após terminar em 11º em sua segunda temporada na F3 Europeia, Sette Câmara já participou de três temporadas da F2. Apesar de não permanecer no grid esse ano, ele já possui os 40 pontos necessários para a superlicença da FIA.

Até o momento, Sette Câmara também já fez testes esse ano com a Carlin na Indy e com a Dragon na F-E, juntando-se à última como piloto de testes e reserva. O brasileiro, que ainda deve fechar seu programa com a Red Bull para 2020, estará presente no GP da Austrália de F1 nesse final de semana.

Sergio Sette Camara, DAMS

Sergio Sette Camara, DAMS

Photo by: Joe Portlock / Motorsport Images

"Não me interessava mais uma temporada na F2"

Sette Câmara terminou suas três temporadas na Fórmula 2 em 12º, 6º e 4º, respectivamente, e estava cotado para voltar ao grid nesse ano, com rumores no paddock ligando ele à nova equipe do grid, Hitech, ao lado de Nikita Mazepin.

Mas a vaga na Hiltech acabou indo para Luca Ghiotto, enquanto Sette Câmara havia anunciado recentemente que havia assinado com a equipe Dragon na Fórmula E como piloto de testes e reserva, após andar com a equipe no teste para novatos, que aconteceu em Marraquexe na semana passada.

Durante os testes, Sette Câmara falou para o Motorsport.com que a função na Dragon "não estava diretamente relacionada à sua saída da F2", acrescentando: "O teste bate com a pré-temporada da F2 no Bahrein, mas eu poderia perder esses dias no Bahrein e seria na verdade uma economia para a equipe. E eu ainda teria como participar da temporada".

"Não tem relação, foram outras razões que prefiro guardar para mim. Não é muito bom compartilhar, mas não vou continuar la porque as coisas não estavam dando certo, e acabou não sendo interessante para mim. Já fiz três anos, já tenho a superlicença, em algum ponto você fica saturado de ficar no mesmo lugar. É interessante olhar para outros horizontes".

GALERIA: Relembre a trajetória de Red Bull e AlphaTauri na Fórmula 1

2005 - Red Bull, David Coulthard
2005 - Red Bull, Christian Klien
2005 - Red Bull, Vitantonio Liuzzi
2006 - Toro Rosso, Scott Speed
2006 - Toro Rosso, Vitantonio Liuzzi
2006 - Red Bull, Robert Doornbos, Christian Klien e David Coulthard
2007 - Toro Rosso, Vitantonio Liuzzi
2007 - Toro Rosso, Scott Speed
2007 - Toro Rosso, Sebastian Vettel
2007 - Red Bull, Mark Webber
2007 - Red Bull, David Coulthard
2008 - Toro Rosso, Sébastien Bourdais
2008 - Toro Rosso, Sebastian Vettel
2008 - Red Bull, David Coulthard
2008 - Red Bull, Mark Webber
2009 - Toro Rosso, Sebastien Buemi
2009 - Toro Rosso, Sébastien Bourdais
2009 - Toro Rosso, Jaime Alguersuari
2009 - Red Bull, Mark Webber
2009 - Red Bull, Sebastian Vettel
2010 - Toro Rosso, Sebastien Buemi
2010 - Toro Rosso, Jaime Alguersuari
2010 - Red Bull, Mark Webber
2010 - Red Bull, Sebastian Vettel
2011 - Toro Rosso, Jaime Alguersuari e Sebastien Buemi
2011 - Red Bull, Mark Webber
2011 - Red Bull, Sebastian Vettel
2012 - Toro Rosso, Daniel Ricciardo e Jean-Eric Vergne
2012 - Red Bull, Mark Webber
2012 - Red Bull, Sebastian Vettel
2013 - Toro Rosso, Daniel Ricciardo e Jean-Eric Vergne
2013 - Red Bull, Mark Webber e Sebastian Vettel
2014 - Toro Rosso, Jean-Eric Vergne, e Daniil Kvyat,
2014 - Red Bull, Sebastian Vettel
2014 - Red Bull, Daniel Ricciardo
2015 - Toro Rosso, Max Verstappen,e Carlos Sainz Jr.
2015 - Red Bull, Daniil Kvyat e Daniel Ricciardo
2016 - Toro Rosso, Carlos Sainz Jr.
2016 - Red Bull / Toro Rosso, Daniil Kvyat
2016 - Red Bull, Daniel Ricciardo
2016 - Toro Rosso / Red Bull, Max Verstappen
2017 - Toro Rosso, Carlos Sainz Jr., e Daniil Kvyat, Scuderia
2017 - Toro Rosso, Brendon Hartley e Pierre Gasly
2017 - Red Bull, Daniel Ricciardo e Max Verstappen
2018 - Toro Rosso, Pierre Gasly e Brendon Hartley
2018 - Daniel Ricciardo e Max Verstappen
2019 - Toro Rosso / Red Bull, Alexander Albon
2019 - Toro Rosso, Daniil Kvyat
2019 - Red Bull / Toro Rosso, Pierre Gasly
2019 - Red Bull, Max Verstappen
2020 - Red Bull - Max Verstappen e Alexander Albon
2020 - AlphaTauri - Daniil Kvyat e Pierre Gasly
52

VÍDEO: Com o primeiro carro da AlphaTauri após a troca de nome, analisamos as pinturas dos modelos de 2020 da F1

Faça parte da comunidade Motorsport

Join the conversation
Artigo anterior Drugovich é 2º no último teste da F2; Piquet é 11º e Samaia 13º
Próximo artigo Fórmula 2 e Fórmula 3 seguem Fórmula 1 e não vão correr no Bahrein

Principais comentários

Ainda não há comentários. Seja o primeiro a comentar.

Cadastre-se gratuitamente

  • Tenha acesso rápido aos seus artigos favoritos

  • Gerencie alertas sobre as últimas notícias e pilotos favoritos

  • Faça sua voz ser ouvida com comentários em nossos artigos.

Motorsport prime

Descubra conteúdo premium
Assinar

Edição

Brasil