Fórmula 1
25 mar
Próximo evento em
65 dias
06 mai
Próximo evento em
107 dias
20 mai
Próximo evento em
121 dias
R
GP do Azerbaijão
03 jun
Próximo evento em
135 dias
10 jun
Próximo evento em
142 dias
24 jun
Próximo evento em
156 dias
R
GP da Áustria
01 jul
Próximo evento em
163 dias
R
GP da Grã-Bretanha
15 jul
Próximo evento em
177 dias
29 jul
Próximo evento em
191 dias
R
GP da Bélgica
26 ago
Próximo evento em
219 dias
02 set
Próximo evento em
226 dias
09 set
Próximo evento em
233 dias
23 set
Próximo evento em
247 dias
R
GP de Singapura
30 set
Próximo evento em
254 dias
07 out
Próximo evento em
261 dias
21 out
Próximo evento em
275 dias
28 out
Próximo evento em
282 dias
05 nov
Próximo evento em
290 dias
R
GP da Austrália
18 nov
Próximo evento em
303 dias
R
GP da Arábia Saudita
03 dez
Próximo evento em
318 dias
R
GP de Abu Dhabi
12 dez
Próximo evento em
327 dias

Ex-engenheiro de Hamilton revela momento em que inglês percebeu importância do gerenciamento de pneus na F1

compartilhar
comentários
Ex-engenheiro de Hamilton revela momento em que inglês percebeu importância do gerenciamento de pneus na F1
Por:

Mark Temple, engenheiro da McLaren, lembra Lewis "virou a chave" na maneira de pilotar a partir do GP de Barcelona em 2012

A definição da Pirelli como fornecedora única de pneus na Fórmula 1 em 2011 obrigou alguns pilotos a alteraram a maneira com que pilotavam seus carros. De acordo com Mark Temple, ex-engenheiro de Lewis Hamilton na McLaren, o piloto inglês foi um dos que tiveram que se adaptar à nova realidade.

Leia também:

Temple, que agora atua como principal engenheiro de desempenho automotivo da McLaren, afirma que a "virada de chave" de Hamilton aconteceu em 2012, quando percebeu a necessidade de gerenciar o desgaste dos pneus durante a corrida.

“Em 2011, a Pirelli apareceu e isso meio que mudou a maneira como você tinha que dirigir na corrida”, explica Temple. “A ideia de que você tinha que dirigir mais devagar para ir rápido era bem estranha para Lewis. Além disso, foi um ano difícil para ele - havia muita coisa acontecendo em sua vida - mas isso foi uma coisa que foi seu maior desafio naquele momento.”

“Principalmente porque seu companheiro de equipe era Jenson [Button], que era o mestre em ir rápido enquanto dirigia devagar. E isso meio que o perturbou um pouco ... o ponto em que me lembro dele apenas tendo aquele momento em que a chave virou foi em Barcelona.

“Em 2011 ele ainda estava resistindo à necessidade de dirigir mais devagar para cuidar dos pneus, mas em 2012, em Barcelona, ​​[depois] daquela fantástica pole position, fomos para o final do grid por causa de um erro de abastecimento na qualificação.

“A única maneira de passar em Barcelona​ é superando todos os outros pilotos usando o gerenciamento de pneus e isso foi como uma espécie de ‘virada de chave’... e ele colocou seu foco nisso e a partir daquela corrida ele realmente entendeu a importância disso. ”

 

Photo by: Steve Etherington / Motorsport Images

Barcelona 2012 foi o GP que Pastor Maldonado venceu de forma espetacular, enquanto Hamilton terminou em oitavo lugar - à frente de Button.

“De certa forma, isso caracteriza Lewis: ele está no seu melhor quando está com o pé atrás”, continua Temple.

Nova parceria com ThePlayer.com, a melhor opção para apostas e diversão no Brasil

Registre-se gratuitamente no ThePlayer.com e acompanhe tudo sobre Fórmula 1 e outros esportes! Você confere o melhor conteúdo sobre o mundo das apostas e fica por dentro das dicas que vão te render muita diversão e também promoções exclusivas. Venha com a gente!

F1 2020: Hamilton REVELA ‘defeito’ da Mercedes e mostra como a equipe minimizou o problema; entenda

PODCAST: Domínio da Mercedes tira mérito de Hamilton e suas conquistas?

 

F1: Príncipe da Arábia Saudita rebate críticas de que GP no país será “cortina de fumaça”; entenda

Artigo anterior

F1: Príncipe da Arábia Saudita rebate críticas de que GP no país será “cortina de fumaça”; entenda

Próximo artigo

TV: Confira todos os horários e onde assistir ao GP do Bahrein de F1

TV: Confira todos os horários e onde assistir ao GP do Bahrein de F1
Carregar comentários

Sobre esta matéria

Categoria Fórmula 1
Autor Redação Motorsport.com