Fórmula 1 GP da França

F1: Porsche compra 50% da Red Bull Racing; AlphaTauri não muda de donos

Devido a obrigação de publicação das autoridades responsáveis, agora foi confirmado que Porsche assumirá 50% do programa de F1 da Red Bull

Max Verstappen, Red Bull Racing RB18

Não é segredo que há meses que a Porsche entrará na Fórmula 1 em 2026 como parceira 'em pé de igualdade' com a Red Bull. Mas agora, há a primeira prova altamente oficial de que o projeto basicamente já está pronto e o comunicado de imprensa oficial é apenas um ato formal.

No Marrocos, entre outros locais, foi publicada esta semana informação oficial sobre a aprovação de uma candidatura que a Porsche AG e a Red Bull GmbH apresentaram conjuntamente e que prevê a aquisição de 50% das ações do programa Red Bull F1 pela Porsche.

Leia também:

Porsche e Red Bull tiveram que apresentar seu projeto conjunto às autoridades antitruste, inclusive em cerca de 20 países fora da União Europeia. A legislação marroquina, por exemplo, prevê que tais pedidos estejam sujeitos à obrigação de publicação após aprovação.

Em princípio, isso não teria sido um problema para Porsche e Red Bull, afinal, o projeto conjunto deveria ter sido comunicado oficialmente no GP da Áustria há três semanas. O anúncio é esperado para o dia 4 de agosto.

Mas o comunicado de imprensa teve que ser adiado novamente porque o Conselho Mundial de Automobilismo da FIA não aprovou os regulamentos do motor a partir de 2026 em 29 de junho, conforme anunciado e os regulamentos do motor finalizados são um requisito básico para a Porsche comunicar oficialmente sua entrada na F1.

Isso confirma o que tem sido um dos segredos mais mal guardados da Fórmula 1 há meses: a Porsche não apenas entrará na Fórmula 1 como fornecedora do trem de força, mas também como parceira de 50% da Red Bull. Isso tem a vantagem de que grandes partes da unidade de potência podem ser desenvolvidas e construídas sob o mesmo teto na Red Bull Powertrains em Milton Keynes.

A equipe irmã AlphaTauri provavelmente também começará com o motor da Porsche - qualquer outra coisa seria ilógica devido às sinergias desejadas entre a Red Bull Racing e a AlphaTauri - mas permanecerá 100% nas mãos da Red Bull GmbH.

Audi: Ainda em negociações com a Sauber

A segunda marca do Grupo Volkswagen, cuja entrada na Fórmula 1 já foi aprovada por todos os órgãos necessários, a Audi, não está tão adiantada em seu projeto quanto a Porsche. De acordo com informações do 'Motorsport-Total.com', a empresa com sede em Ingolstadt ainda está negociando com o proprietário da Sauber, Finn Rausing, a aquisição de 75% das ações da equipe.

VÍDEO: F1 dá “passo atrás” com novo motor?

 

Os melhores vídeos sobre esporte a motor estão no canal do Motorsport.com. Inscreva-se já, dê o like ('joinha') nos vídeos e ative as notificações para ficar por dentro de tudo o que rola em duas ou quatro rodas.

Podcast #187 – Marko está certo ao colocar Verstappen como “a maior história de sucesso da Red Bull”?

 

ACOMPANHE NOSSO PODCAST GRATUITAMENTE:

 

 

Artigo anterior ANÁLISE: Conheça as alterações que tornaram a Ferrari mais competitiva na F1
Próximo artigo F1: Horner aponta 'cartada de segurança' da FIA para mudar regra do assoalho

Cadastre-se gratuitamente

  • Tenha acesso rápido aos seus artigos favoritos

  • Gerencie alertas sobre as últimas notícias e pilotos favoritos

  • Faça sua voz ser ouvida com comentários em nossos artigos.

Motorsport prime

Descubra conteúdo premium
Assinar

Edição

Brasil