Fórmula 1 GP da França

F1: Verstappen revela superaquecimento de pneus em Paul Ricard antes de vitória tranquila

Holandês não conseguiu ultrapassar Leclerc por conta do desgaste dos compostos devido ao forte calor na França; situação facilitou com acidente do rival

Max Verstappen, Red Bull Racing RB18, 1st position, arrives in Parc Ferme

Max Verstappen aproveitou um erro de Charles Leclerc para vencer o GP da França de Fórmula 1. O monegasco escapou na Curva 11 e bateu na barreira de proteção. Logo atrás dele, o holandês tomou a liderança e administrou a vantagem para sair com o triunfo em Paul Ricard, no que chamou de uma corrida difícil por conta do superaquecimento dos pneus.

Graças ao forte calor em Le Castellet, os pilotos tiveram que cuidar dos compostos e não apertar muito o ritmo em momentos desnecessários. Além disso, o ar sujo atrás de um carro também contribuía para o desgaste. A tática da Red Bull foi chamar Verstappen aos boxes mais cedo do que a Ferrari, mas com o principal rival fora, a escuderia austríaca não precisou 'pensar' muito.

Leia também:

"Tivemos um ritmo muito bom desde o início", disse Max após o GP. "Eu estava pressionando Charles, mas o pneu aqueceu muito com o calor. Tentamos manter a calma e nos mantermos perto. Paramos um pouco mais cedo e, a partir daí, você nunca sabe como a corrida vai ser."

"Claro, [foi] azar de Charles e espero que ele esteja bem. Dali, apenas fiz minha corrida e cuidei dos pneus. Por causa do pit lane ser tão longo, não poderia fazer outra parada e se manter na pista, mas os compostos estavam desgastando muito. Então, era tudo sobre cuidar deles até o fim."

Focado em se manter na pista até o fim, Verstappen admitiu que enxergou algumas oportunidades de ultrapassagem sobre Leclerc, mas temeu que isso comprometesse sua prova: "Eu sempre tento conseguir o maior número de pontos possível. Às vezes, você vê alguns movimentos, mas tem que recuar e esperar, talvez, pelo final".

"Foi o que fizemos. Há muito mais provas por vir onde você tem que [focar em] marcar pontos. Nesse aspecto, acho que hoje foi um grande dia. Ainda temos um pouco de trabalho a fazer em uma volta rápida, especialmente. Vamos continuar trabalhando", concluiu.

A Fórmula 1 volta no próximo fim de semana, com o GP da Hungria, em Budapeste, marcado para 31 de julho.

F1 AO VIVO: Leclerc ERRA, Verstappen SEGUE LÍDER e fim da corrida AGITA o GP da França; veja DEBATE | PÓDIO

 

Os melhores vídeos sobre esporte a motor estão no canal do Motorsport.com. Inscreva-se já, dê o like ('joinha') nos vídeos e ative as notificações para ficar por dentro de tudo o que rola em duas ou quatro rodas.

Podcast #187 – Marko está certo ao colocar Verstappen como “a maior história de sucesso da Red Bull”?

 

ACOMPANHE NOSSO PODCAST GRATUITAMENTE:

Faça parte da comunidade Motorsport

Join the conversation
Artigo anterior F1: Hamilton revela que ficou sem bebida durante corrida e estima que perdeu 3 kg
Próximo artigo F1: Russell comemora pódio difícil em Paul Ricard e relembra disputa com Pérez

Principais comentários

Cadastre-se gratuitamente

  • Tenha acesso rápido aos seus artigos favoritos

  • Gerencie alertas sobre as últimas notícias e pilotos favoritos

  • Faça sua voz ser ouvida com comentários em nossos artigos.

Motorsport prime

Descubra conteúdo premium
Assinar

Edição

Brasil Brasil