F1: Wolff acredita que Mercedes pode "vencer as cinco corridas restantes"

Dirigente austríaco está certo de que tudo pode acontecer este ano

F1: Wolff acredita que Mercedes pode "vencer as cinco corridas restantes"

O chefe da Mercedes, Toto Wolff, acredita que a equipe alemã pode "vencer as cinco corridas restantes" da temporada de 2021 da Fórmula 1.

Apesar da equipe de Brackley ter perdido o GP dos Estados Unidos no domingo, local onde Lewis Hamilton e Mercedes eram amplamente favoritos, Wolff está confiante quanto as últimas cinco etapas da campanha.

Leia também:

"O moral está alta. Estamos lá e podemos vencer as cinco corridas restantes. Temos que evitar abandonos, que são mortais para todos e, portanto, estamos sofrendo essas penalidades com motores de combustão. Está sendo uma temporada divertida e estamos sob pressão, mas é positivo",disse o dirigente ao jornal britânico The Times.

Wolff reconhece que o circuito mexicano não tem as características ideias para o seu carro nos últimos anos - mesmo com a vitória de Hamilton em 2019 -, mas está certo de que tudo pode acontecer este ano.

"O México tem sido tradicionalmente um circuito complicado para nós, mas nesta temporada tudo pode mudar", disse.

"Já vimos que a Red Bull se saiu muito bem em circuitos que eram nossos e o contrário também aconteceu. Acho que temos que ir corrida após corrida e tem que manter o ânimo."

Falando sobre a vitória da Red Bull em Austin, o dirigente austríaco elogiou a estratégia agressiva de parada da rival, algo semelhante ao que a Mercedes fez no Bahrein.

“Fizeram uma estratégia muito agressiva na primeira parada, algo parecido com o que fizemos no Bahrein no início da temporada. Vencemos assim e eles mereceram ganhar desta vez. Foi uma corrida com estratégias interessantes e boas lutas", disse.

“Começámos a discutir a cobertura do rebaixo na volta 10, mas era muito cedo. Fomos muito lentos com o pneu médio e tínhamos dúvidas se conseguiríamos chegar ao fim com força se parássemos naquele ponto . teria uma chance nas últimas voltas, mas não foi o suficiente. Depois de se aproximar do carro da frente fica difícil", concluiu.

F1 AO VIVO: FIM DA LINHA para Mercedes/Hamilton em '21? O pós-GP, VW na F1, POLÊMICAS nos EUA e mais

Assine o canal do Motorsport.com no YouTube

Os melhores vídeos sobre esporte a motor estão no canal do Motorsport.com. Inscreva-se já, dê o like ('joinha') nos vídeos e ative as notificações, para sempre ficar por dentro de tudo o que rola em duas ou quatro rodas.

Podcast #139 – Qual o campeonato da F1 mais emocionante do século?

 

SIGA NOSSO PODCAST GRATUITAMENTE:

compartilhar
comentários
F1: Red Bull fez mudanças na saída de ar em Austin para evitar superaquecimento; entenda
Artigo anterior

F1: Red Bull fez mudanças na saída de ar em Austin para evitar superaquecimento; entenda

Próximo artigo

Alonso acredita que deveria ter deixado F1 "mais cedo" do que 2018

Alonso acredita que deveria ter deixado F1 "mais cedo" do que 2018
Carregar comentários