Fórmula 1
19 mar
-
22 mar
Próximo evento em
25 dias
02 abr
-
05 abr
Próximo evento em
39 dias
30 abr
-
03 mai
Próximo evento em
67 dias
07 mai
-
10 mai
Próximo evento em
74 dias
21 mai
-
24 mai
Próximo evento em
88 dias
R
GP do Azerbaijão
04 jun
-
07 jun
Próximo evento em
102 dias
11 jun
-
14 jun
Próximo evento em
109 dias
25 jun
-
28 jun
Próximo evento em
123 dias
R
GP da Áustria
02 jul
-
05 jul
Próximo evento em
130 dias
R
GP da Grã-Bretanha
16 jul
-
19 jul
Próximo evento em
144 dias
30 jul
-
02 ago
Próximo evento em
158 dias
R
GP da Bélgica
27 ago
-
30 ago
Próximo evento em
186 dias
03 set
-
06 set
Próximo evento em
193 dias
R
GP de Singapura
17 set
-
20 set
Próximo evento em
207 dias
24 set
-
27 set
Próximo evento em
214 dias
08 out
-
11 out
Próximo evento em
228 dias
R
GP dos Estados Unidos
22 out
-
25 out
Próximo evento em
242 dias
29 out
-
01 nov
Próximo evento em
249 dias
12 nov
-
15 nov
Próximo evento em
263 dias
R
GP de Abu Dhabi
26 nov
-
29 nov
Próximo evento em
277 dias

Leclerc e Albon acabam com secas de quase 70 anos na F1 no Bahrein

compartilhar
comentários
Leclerc e Albon acabam com secas de quase 70 anos na F1 no Bahrein
1 de abr de 2019 11:56

Monegasco e tailandês brilham na noite barenita e encerram jejuns que duravam desde a primeira década do mundial

Apesar de perder a possibilidade de se tornar o primeiro vencedor da história do principado de Mônaco na Fórmula 1, Charles Leclerc foi embora do Bahrein com um número importante no currículo. O piloto da Ferrari, primeiro pole de seu país, conquistou o primeiro pódio para sua nação desde 1950.

Para ser mais preciso, um monegasco não ia ao pódio da Fórmula 1 desde o GP de Mônaco de 1950 – a segunda corrida da história do campeonato mundial, que no Bahrein viveu sua 999ª prova.

Leia também:

O responsável pelo resultado foi Louis Chiron, único monegasco a pontuar no mundial antes de Leclerc.

O atual piloto da Ferrari é apenas o quarto monegasco a correr na F1.

Mais atrás, com seu nono lugar, o tailandês (apesar de ter nascido em Londres) da Toro Rosso, Alexander Albon, se tornou o primeiro piloto de seu país a conquistar pontos desde o Príncipe Bira do Sião no GP da França de 1954.

Bira (cujo nome completo era Birabongse Bhanudej) foi o único tailandês a competir na F1 antes de Albon, também sendo o único piloto do sudeste asiático a pontuar antes do GP do Bahrein do último final de semana.

Membro da família real tailandesa como o nome diz, Bira correu de 1950 a 1954 e tem dois quartos lugares como seus melhores resultados na carreira.

Albon é apenas o quarto piloto do sudeste asiático a correr na F1, após Bira, Alex Yoong e Rio Haryanto.

Próximo artigo
Leclerc, Massa, Mansell e cia: Relembre sete derrotas sofridas da história da F1

Artigo anterior

Leclerc, Massa, Mansell e cia: Relembre sete derrotas sofridas da história da F1

Próximo artigo

F1: Saco plástico na asa dianteira atrapalhou Bottas no Bahrein

F1: Saco plástico na asa dianteira atrapalhou Bottas no Bahrein
Carregar comentários

Sobre esta matéria

Categoria Fórmula 1