Fórmula 1
25 mar
Próximo evento em
67 dias
06 mai
Próximo evento em
109 dias
20 mai
Próximo evento em
123 dias
R
GP do Azerbaijão
03 jun
Próximo evento em
137 dias
10 jun
Próximo evento em
144 dias
24 jun
Próximo evento em
158 dias
R
GP da Áustria
01 jul
Próximo evento em
165 dias
R
GP da Grã-Bretanha
15 jul
Próximo evento em
179 dias
29 jul
Próximo evento em
193 dias
R
GP da Bélgica
26 ago
Próximo evento em
221 dias
02 set
Próximo evento em
228 dias
09 set
Próximo evento em
235 dias
23 set
Próximo evento em
249 dias
R
GP de Singapura
30 set
Próximo evento em
256 dias
07 out
Próximo evento em
263 dias
21 out
Próximo evento em
277 dias
28 out
Próximo evento em
284 dias
05 nov
Próximo evento em
292 dias
R
GP da Austrália
18 nov
Próximo evento em
305 dias
R
GP da Arábia Saudita
03 dez
Próximo evento em
320 dias
R
GP de Abu Dhabi
12 dez
Próximo evento em
329 dias

Liberty quer Alonso como embaixador da F1 mesmo com críticas

compartilhar
comentários
Liberty quer Alonso como embaixador da F1 mesmo com críticas

Chefe da organização, Sean Bratches quer que espanhol continue envolvido com a categoria apesar de deixar de ser piloto

Diretor comercial da Fórmula 1, Sean Bratches, diz que Fernando Alonso está certo em dizer que o esporte se tornou previsível demais.

O piloto da McLaren falou que a maior previsibilidade da F1 é o principal motivo pelo qual ele não estará no esporte no próximo ano. Ele é cotado para uma mudança para a IndyCar.

Além disso, Bratches quer ter Alonso do seu lado, como embaixador da categoria.

"Acho que ele está certo e temos um plano para consertar", disse Bratches durante a Black Book Motorsport Conference. “Eu gostaria que ele estivesse conosco por mais dez anos para fazer parte disso”.

“Ele tem sido um embaixador fenomenal para o esporte, como um herói, uma lenda. Espero que sua marca permaneça por muitos anos. Há uma oportunidade para a Fórmula 1 ser menos previsível. Acho que é importante chegarmos lá.”

“Desde a temporada de 2015, apenas três times venceram um GP. Apenas três equipes. Então, é bem previsível.”

Bratches disse que o exemplo do futebol da Premier League mostra como a F1 competitiva poderia ser. "Desde a temporada 14/15, as três piores equipes venceram ou empataram com o top-6 em 29% das vezes", destacou.

Apesar de expressar decepção com a decisão de Alonso de sair, Bratches espera que o piloto da McLaren possa se tornar um embaixador do esporte um dia.

“Fiquei desapontado do ponto de vista dos negócios. Ele está por aí há muito tempo, ele subiu ao pico mais alto. Eu respeito sua decisão de seguir em frente.”

"Espero que possamos envolvê-lo para ser um embaixador deste grande esporte para nós daqui para frente."

Button avisa Sainz que melhora da McLaren está longe

Artigo anterior

Button avisa Sainz que melhora da McLaren está longe

Próximo artigo

Empresa rival questiona aquisição da Force India

Empresa rival questiona aquisição da Force India
Carregar comentários

Sobre esta matéria

Categoria Fórmula 1