Fórmula 1
24 out
-
27 out
Evento encerrado
01 nov
-
03 nov
Evento encerrado
14 nov
-
17 nov
Evento encerrado
28 nov
-
01 dez
Evento encerrado

McLaren: influência de Alonso em 2019 é “positiva e bem-vinda”

compartilhar
comentários
McLaren: influência de Alonso em 2019 é “positiva e bem-vinda”
20 de dez de 2018 11:36

Zak Brown ressalta felicidade com dupla Sainz e Norris, mas considera que possível participação do bicampeão representa “vantagem competitiva”

Diretor executivo da McLaren, Zak Brown considera que a possível influência de Fernando Alonso no desenvolvimento do carro de 2019 será “positiva e bem-vinda”, o que não desvaloriza a sua dupla titular.

Alonso deixou o time depois de quatro anos, o que abre espaço para uma dupla inteiramente nova em 2019, formada por Carlos Sainz e Lando Norris.

Contudo, o próprio Brown indicou no passado que Alonso poderá ter participação nos trabalhos da equipe de F1, inclusive com participações esporádicas em testes – algo que ainda não foi confirmado oficialmente.

“Estou muito feliz em ter Carlos e Lando em nosso carro de corridas no ano que vem”, disse Brown, de acordo com a revista americana Racer.

“Acho que eles são dois pilotos muito empolgantes, a dupla mais jovem da história da McLaren. E, claro, Carlos tem uma boa experiência, está em sua terceira equipe diferente, e Lando já deixou bem claras as suas credenciais, mas ele é um novato.”

“Fernando ainda é parte da família ao competir nas 500 Milhas de Indianápolis conosco. Ele, assim como muitos pilotos que ainda vemos no grid – Niki Lauda, Alain Prost, etc – continua com influência em suas respectivas equipes, então não acho que é difícil balancear a influência de Fernando. Ela é bem-vinda – ele é um ótimo e experiente piloto de corridas.”

“Ele tem uma longa relação que vem antes dos tempos da McLaren com Carlos, e, claro, ele foi parceiro de Lando em Daytona. Então, acho que sua influência é positiva e bem-vinda, tanto para a McLaren quanto para os engenheiros e pilotos. Então, é algo que aceitaremos e esperamos que nos traga uma vantagem competitiva, o que é positivo para nós.”

Alonso ainda não detalhou qual será sua programação de corridas completa em 2019. O espanhol já tem confirmadas participações nas 24 Horas de Daytona e nas 500 Milhas de Indianápolis, além de fazer a fase final da supertemporada do WEC com a Toyota.

Próximo artigo
Red Bull tem de lutar pelo título com a Honda, diz Brawn

Artigo anterior

Red Bull tem de lutar pelo título com a Honda, diz Brawn

Próximo artigo

GP da Dinamarca pode voltar a ser discutido, mas sem Copenhage na pauta

GP da Dinamarca pode voltar a ser discutido, mas sem Copenhage na pauta
Carregar comentários

Sobre esta matéria

Categoria Fórmula 1