Prefeito de Nova York tem interesse em receber F1 e oferece espaço para GP

Revelação foi feita pelo CEO da Liberty Media, Greg Maffei, em evento realizado nesta quinta

Prefeito de Nova York tem interesse em receber F1 e oferece espaço para GP
Carregar reprodutor de áudio

O CEO da Liberty Media, Greg Maffei, revelou que o prefeito recém-eleito de Nova York, Eric Adams, tem interesse em receber a Fórmula 1, oferecendo à categoria um espaço para um potencial GP.

Mas Maffei reduziu as chances de acrescentar um quarto GP em solo americano ao lado de Austin, Miami e Las Vegas, dizendo que tentar colocar uma corrida na cidade é "uma luta que não precisamos ter".

Leia também:

O ex-chefão da F1, Bernie Ecclestone, tentou por anos realizar uma corrida em ou próximo a Nova York. Em 2011, um local em Port Imperial, Nova Jersey, com os prédios de Manhattan como plano de fundo foi estudado pelo organizador Leo Hindery.

A corrida chegou a ser incluída no calendário de 2013 da F1 e o trabalho de preparação do espaço começou antes do projeto colapsar pela falta de verbas. 

Desde que assumiu a F1 em 2017, a Liberty Media tem priorizado adicionar corridas em cidades importantes dos EUA, e enquanto a empresa sempre deixou claro que Nova York estava na lista, chegando inclusive a olhar novamente para o espaço em Jersey, os projetos de Miami e Las Vegas renderam frutos antes.

Red Bull Racing RB7 in New York

Red Bull Racing RB7 in New York

Photo by: Red Bull Content Pool

Falando em um evento financeiro nesta quinta em Nova York, Maffei foi questionado por um moderador se um GP na cidade estaria nos planos. Ele revelou que Adams, que assumiu o cargo em primeiro de janeiro, propôs um local na Ilha Randalls e Wards, uma área composta principalmente com parques e arenas esportivas próximo ao Rio Harlem, no nordeste de Manhattan.

Mas ele deixou claro que o espaço não foi visto como adequado pela Liberty.

"A gestão de Eric Adams entrou em contato pedindo por um [GP]. Acho que é muito difícil. A proposta deles, provavelmente não é nosso local perfeito. Sabe, foi gasto muito tempo e dinheiro aqui, há 15, 20 anos, incluindo Leo Hindery, um de meus antecessores, tentando construir um espaço em Hoboken".

"Acho que a realidade é que corridas de rua em um lugar como Nova York é algo muito, muito difícil. Las Vegas é um dos poucos lugares nos Estados Unidos em que se pode fazer uma corrida de rua, porque tem uma mentalidade diferente".

"Nova York seria um espaço incrível, mas dificilmente veríamos eles fechando o Central Park por nossa causa!".

Quando o moderador disse que gostaria de ver uma corrida em Nova York, Maffei respondeu: "Suspeito que há alguns outros grupos que não, então possivelmente é uma luta que não precisamos ter".

Enquanto isso, Maffei insistiu que o GP de Miami foi um sucesso, mas admite que há algumas questões que a organização precisa resolver para 2023.

"Acho que, no geral, foi um grande sucesso, a demanda foi enorme. O número de pessoas que me disseram que esse foi o melhor evento esportivo que eles já foram e mais. Existiram questões logísticas ao redor de uma corrida estreante? Os pilotos não amaram tudo sobre a pista, o que não é incomum, além da hospitalidade no Paddock Club e a hospitalidade. Há algumas coisas a resolver".

"Acho que o [Miami] Dolphins, nossos parceiros lá, fizeram um ótimo trabalho. Acho que eles estão cientes dos problemas que surgiram, mas são solucionáveis".

"Mas a experiência televisiva, a emoção, o tom geral de Miami foi muito positivo, muito bom. E não acho que isso vai desaparecer. Então você trabalha para resolver os problemas do primeiro ano e tem tudo para ser um ótimo evento".

Sobre o promotor Tom Garfinkel e sua admissão de que a corrida rendeu prejuízos, Maffei disse: "Acho que será lucrativo para os Dolphins. Na verdade, a margem de lucro e prejuízo deles é um pouco diferente da nossa. Mas temos um acordo de 10 anos. Acredito que eles ainda farão muito dinheiro".

Assine o canal do Motorsport.com no YouTube

Os melhores vídeos sobre esporte a motor estão no canal do Motorsport.com. Inscreva-se já, dê o like ('joinha') nos vídeos e ative as notificações para ficar por dentro de tudo o que rola em duas ou quatro rodas.

PODCAST #178: Será o fim da linha para Vettel e Alonso na F1?

 

ACOMPANHE NOSSO PODCAST GRATUITAMENTE:

compartilhar
comentários
F1 - Sainz alerta: carros de 2022 podem trazer problemas nas costas e pescoço a longo prazo
Artigo anterior

F1 - Sainz alerta: carros de 2022 podem trazer problemas nas costas e pescoço a longo prazo

Próximo artigo

TELEMETRIA: Rico Penteado aponta favorito ao GP da Espanha e disseca circuito de Barcelona

TELEMETRIA: Rico Penteado aponta favorito ao GP da Espanha e disseca circuito de Barcelona