GT Sprint Race: Julio Campos escala todo o pelotão para vencer corrida 1 em Curitiba

Piloto curitibano da categoria PRO largou na última fila para vencer com sobra na manhã deste domingo

GT Sprint Race: Julio Campos escala todo o pelotão para vencer corrida 1 em Curitiba

A GT Sprint Race começou da melhor forma possível a etapa 'Inverse Race' em Curitiba, válida pela quarta rodada do campeonato nacional regular, intitulado Brasil. Na manhã deste domingo, no Autódromo de Curitiba, o experiente Julio Campos fez bonito e mostrou por que é um dos destaques do automobilismo brasileiro. Ele chegou em cima da hora, largou do fundo do grid e ainda comemorou a vitória após as 15 voltas com o tempo de 25min52s062.

O resultado ratificou a liderança do piloto curitibano na categoria PRO, a mais competitiva. Assim, ele segue sendo, ao lado do companheiro Léo Torres, um dos favoritos ao título de 2021. A segunda colocação no geral foi bastante disputada até o final, mas quem levou a melhor foi Pedro Aizza, líder da PROAM, enquanto em terceiro cruzou Francesco Franciosi, também da PROAM. A corrida 2 tem largada marcada para as 12h20.

O editor recomenda:

A corrida 1 da GT Sprint Race esquentou a manhã em Pinhais, na região metropolitana de Curitiba. O motivo foi o show de técnica e garra que os pilotos da categoria deram mais uma vez, garantindo emoção até a última volta.

A prova, aliás, pode ser dividida em duas partes. Na primeira, Rafael Dias, em sua primeira temporada na GTSR, dominou a disputa, chegando a abrir mais de quatro segundos para o segundo colocado. Por outro lado, a segunda parte foi toda de Julio Campos. Largando lá trás, ele foi ultrapassando os adversários até assumir a ponta e não deixar escapar a vitória 'em casa'.

Campos destacou o final de semana inusitado em que, apesar da correria, deu tudo certo: "Foi muito legal. Tive viagem, prova na Endurance Brasil, cheguei em cima da hora para largar em último, mas pude vencer."

Tudo ajudou para que eu pudesse passar o pelotão inteiro e entregar esse resultado bom para o campeonato. A ideia era essa”, disse o experiente piloto, que também compete na Stock Car Pro Series.

Na PROAM, Aizza deu sequência à serie de bons resultados. Na disputa com Dias, tirou o melhor do carro ao longo da prova. “Éramos rápidos, mas tivemos alguns contratempos no começo. Aos poucos fomos melhorando e conseguimos chegar. Depois de muito trabalho, conseguimos o segundo lugar na geral e a vitória na categoria”, destacou. O segundo na categoria intermediária da GTSR foi Franciosi, enquanto o terceiro foi Pedro Costa.

Na classe AM, a vitória foi estrangeira. O paraguaio Oscar Bittar, que faz sua estreia na temporada, foi o vencedor em Curitiba e nono no geral. “Muito contente e satisfeito com o resultado. Estamos muito felizes, primeira temporada e primeira vitória”, declarou o piloto, que divide o carro com o compatriota Danny Candia.  O segundo foi Caê Coelho e o terceiro Walter Lester.

TRANSMISSÕES - As corridas da GT Sprint Race, sem público, têm transmissão ao vivo para todo o país no Motorsport.com, e, pela TV, o BandSports também mostra a 2ª corrida do evento. Durante a semana, após cada etapa, também terão destaque no Acelerados (SBT). A geração de imagens é da MasterTV/Catve, com narração de Luc Monteiro e comentários de Eduardo Serratto.

Confira o resultado da corrida 1:

1) #04 Julio Campos/ Léo Torres, PRO, 15 voltas, 25min52seg062

2) #35 Pedro Aizza, PROAM, a 2s084

3) #73 Francesco Franciosi, PROAM, a 2s891

4) #300 Marcelo Henriques/ Alex Seid, PRO, a 14s337

5) #82 Gerson Campos, PRO, a 14s520

6) #25 Eduardo Trindade/ Sérgio Ramalho, PRO, a 15s304

7) #11 Weldes Campos, PRO, a 25s437

8) #161 Pedro Costa/ Antonio Junqueira, PROAM, a 33s383

9) #59 Oscar Bittar /Danny Candia, AM, a 55s945

10) #21 Beto Cavaleiro/ Thiago Camilo, PRO, a 56s413

11) #83 Eduardo Pavelski/ Gabriel Casagrande, PRO, a 1min00seg850

12) #31 Caê Coelho/Adriano Ramos, AM, a 1min14seg927

13) #793 Adalberto Baptista, PROAM, a 1min23seg345

14) #17 Walter Lester, AM, a 1min23seg710

15) #37 Luis Debes, AM, a 1min23seg883

16) #12 Rafael Maeda/ Marcus Índio, AM, a 1min24seg104

17) #13 Rafael Dias, PROAM, a 1 volta

18) #19 Nathan Brito/ Luciano Zangirolami, PRO, a 2 volta

Não completou 75% da prova:

19) #72 Giovani Girotto, AM, DQ

Melhor volta: Pedro Aizza #35, 1min34s951 a 140,093 km/h

Grid da corrida 2 com inversão dos oito primeiros colocados:

1) #161 Antonio Junqueira/ Pedro Costa, PROAM

2) #11 Weldes Campos, PRO

3) #25 Sérgio Ramalho/ Eduardo Trindade, PRO

4) #82 Gerson Campos, PRO

5) #300 Alex Seid/ Marcelo Henriques, PRO

6) #73 Francesco Franciosi, PROAM

7) #35 Pedro Aizza, PROAM

8) #04 Léo Torres/ Julio Campos, PRO

9) #59 Danny Candia/ Oscar Bittar, AM

10) #21 Thiago Camilo/ Beto Cavaleiro, PRO

11) #83 Gabriel Casagrande/ Eduardo Pavelski, PRO

12) #31 Adriano Ramos/ Caê Coelho, AM

13) #793 Adalberto Baptista, PROAM

14) #17 Walter Lester, AM

15) #37 Luis Debes, AM

16) #12 Marcus Índio/ Rafael Maeda, AM

17) #13 Rafael Dias, PROAM

18) #19 Luciano Zangirolami/ Nathan Brito, PRO

19) #72 Giovani Girotto, AM

-

Classificação da GT Sprint Race Brasil (após sete corridas)

 

PRO

1) #04 Julio Campos /Léo Torres, 130 pontos

2) #01 Alex Seid/Marcelo Henriques, 116

3) #83 Gabriel Casagrande/Eduardo Pavelski, 109

4) #11 Weldes Campos, 109

5) #82 Gerson Campos, 107

6) #25 Eduardo Trindade/Sérgio Ramalho, 105

7) #21 Thiago Camilo/Beto Cavaleiro, 96

8) #19 Nathan Brito/Luciano Zangirolami, 84

 

AM

1) #17 Walter Lester, 156 pontos

2) #37 Luis Debes, 151

3) #31 Caê Coelho/Adriano Ramos, 130

4) #72 Giovani Girotto, 70

5) #59 Danny Candia, 53

6) #33 Bruno Campos, 50

7) #33 Emilio Padron, 30

8) #59 Oscar Bittar, 25

9) #90 José Vitte, 24

10) #07 Pedro Bezerra, 16

 

PROAM

1) #35 Pedro Aizza, 144 pontos

2) #73 Francesco Franciosi, 138

3) #03 Pedro Ferro, 122

4) #13 Rafael Dias, 112

5) #161 Pedro Costa/Antonio Junqueira, 105

6) #793 Adalberto Baptista, 97

7) #03 Lourenço Beirão, 39

8) #12 Zezinho Muggiati/Edgar Bueno Neto, 26

Calendário GT Sprint Race 2021:

Etapa 1 – 02 de Maio – Velocitta - Mogi Guaçu/SP (Brasil/#GrandOpening)

Etapa 2 – 23 de Maio – Goiânia/GO (#SpecialEdition)

Etapa 3 – 27 de Junho – Interlagos/SP (Brasil/#SuperPole)

Etapa 4 – 18 de Julho – Cascavel/PR (Brasil/#TripleX)

Etapa 5 – 15 de Agosto – Tarumã/RS (#SpecialEdition)

Etapa 6 – 05 de Setembro – Curitiba/PR (Brasil/#InverseRace)

Etapa 7 – 03 de Outubro – Juiz de Fora/MG (#SpecialEdition)

Etapa 8 – 31 de Outubro – Palmeira/PR (Brasil/#AirportTrack)

Etapa 9 – 05 de Dezembro – Curitiba/PR (Brasil/#MatchPoint)

GT Sprint Race 2021 - CORRIDA 1 | Etapa de Curitiba, domingo

Assine o canal do Motorsport.com no YouTube

Os melhores vídeos sobre esporte a motor estão no canal do Motorsport.com. Inscreva-se já, dê o like ('joinha') nos vídeos e ative as notificações, para sempre ficar por dentro de tudo o que rola em duas ou quatro rodas.

Podcast #129 - A aposentadoria de Raikkonen e tudo sobre o GP da Holanda

 

SIGA NOSSO PODCAST GRATUITAMENTE:

compartilhar
comentários
Veja como foi a corrida 1 da GT Sprint Race em Curitiba
Artigo anterior

Veja como foi a corrida 1 da GT Sprint Race em Curitiba

Próximo artigo

Veja como foi a corrida 2 da GT Sprint Race em Curitiba

Veja como foi a corrida 2 da GT Sprint Race em Curitiba
Carregar comentários