Márquez celebra, Rossi lamenta: declarações do fim de semana

Final de semana viu o tricampeonato de Marc Márquez na MotoGP e Felipe Fraga ampliando a liderança na Stock Car; confira as frases mais importantes na 'Sala de Imprensa'

Márquez celebra, Rossi lamenta: declarações do fim de semana
“Foi bastante difícil, pois para aprender tive que perder um campeonato.”
“Foi bastante difícil, pois para aprender tive que perder um campeonato.”
1/11

Foto de: Gold and Goose / Motorsport Images

Márquez destaca que os erros e a derrota na temporada 2015 foram dolorosos e fundamentais para a conquista do terceiro título.
"Agora acho que o velho Marc Márquez vai aparecer."
"Agora acho que o velho Marc Márquez vai aparecer."
2/11

Foto de: Gold and Goose / Motorsport Images

Sem o peso de brigar pelo tíulo, o espanhol avisa que vai para cima nas três corridas finais da temporada.
“Sem dúvida, Márquez merece título conquistado aqui. Foi o mais regular, ganhou muitas corridas e sempre se mostrou bastante forte. É justo.”
“Sem dúvida, Márquez merece título conquistado aqui. Foi o mais regular, ganhou muitas corridas e sempre se mostrou bastante forte. É justo.”
3/11

Foto de: Gold and Goose / Motorsport Images

Rossi, que caiu e abandonou a prova em Motegi, reconheceu a superioridade do espanhol durante a temporada e admitiu que o título está em boas mãos.
“Olhando os dados, não vi nada de errado na moto e não senti nada de diferente ali, mas quando você sofre uma queda é certo que você cometeu algum erro.”
“Olhando os dados, não vi nada de errado na moto e não senti nada de diferente ali, mas quando você sofre uma queda é certo que você cometeu algum erro.”
4/11

Foto de: Gold and Goose / Motorsport Images

O italiano, apesar de ainda não ter os motivos exatos, também reconheceu que houve um erro da parte dele na queda na curva 10.
"A Yamaha trabalhou , mas o que eles trouxeram de novo não funcionou. Nunca demos um passo à frente."
"A Yamaha trabalhou , mas o que eles trouxeram de novo não funcionou. Nunca demos um passo à frente."
5/11

Foto de: Gold and Goose / Motorsport Images

Por fim, Rossi ressaltou que o trabalho na Yamaha foi intenso, mas não houve evolução e os resultados não vieram.
"O problema é que não terminei a prova. Estou bastante decepcionado, pois poderia ter subido para segundo no campeonato, mas perdi uma grande chance.”
"O problema é que não terminei a prova. Estou bastante decepcionado, pois poderia ter subido para segundo no campeonato, mas perdi uma grande chance.”
6/11

Foto de: Gold and Goose / Motorsport Images

Lorenzo também abandonou a prova e se mostrou decepcionado por ter perdido a chance de assumir a vice-liderança do campeonato.
“Agora aumentei cinco pontos a diferença. Estou muito feliz assim, e vou continuar correndo da mesma forma.”
“Agora aumentei cinco pontos a diferença. Estou muito feliz assim, e vou continuar correndo da mesma forma.”
7/11

Foto de: Fábio Davini

Felipe Fraga, vencedor da corrida 1 em Curitiba, revelou que mesmo com 44 pontos de vantagem sobre Rubens Barrichello, não vai aliviar o pé na reta final da temporada.
“Tentei pegar o Rubens de surpresa, usei o push na reta oposta – um lugar que a gente não costuma usar o botão. Acabou que nossa estratégia deu certo.”
“Tentei pegar o Rubens de surpresa, usei o push na reta oposta – um lugar que a gente não costuma usar o botão. Acabou que nossa estratégia deu certo.”
8/11
Thiago Camilo, vencedor da corrida 2, conta como 'enganou' Barrichello para vencer a prova.
“Tenho de ressaltar a lealdade do Rubens. Foi uma disputa dura e limpa. Não é todo piloto que age assim.”
“Tenho de ressaltar a lealdade do Rubens. Foi uma disputa dura e limpa. Não é todo piloto que age assim.”
9/11
Camilo elogiou ainda a postura do veterano, que jogou limpo na disputa pela posição.
“Não tive muito o que fazer. Quando entrou o Safety Car ainda tentei me defender da forma mais leal que eu consegui.”
“Não tive muito o que fazer. Quando entrou o Safety Car ainda tentei me defender da forma mais leal que eu consegui.”
10/11

Foto de: Fábio Davini

Barrichello, por sua vez, explicou que fez o que pôde para defender a posição, mas não teve como evitar a vitória de Camilo.
“Não que eu seja melhor que os outros pilotos na questão de respeito, mas no meio do pelotão é um bate-bate danado.”
“Não que eu seja melhor que os outros pilotos na questão de respeito, mas no meio do pelotão é um bate-bate danado.”
11/11
Barrichello ainda aproveitou para criticar a falta de lisura em algumas disputas no meio do pelotão.
compartilhar
comentários
Wayne Gardner é preso no Japão
Artigo anterior

Wayne Gardner é preso no Japão

Próximo artigo

Aspar anuncia Abraham e completa grid de 2017 da MotoGP

Aspar anuncia Abraham e completa grid de 2017 da MotoGP
Carregar comentários