VÍDEO: Pista argentina da MotoGP é palco de grande incêndio; veja

Autódromo de Termas de Río Hondo enfrenta fortes chamas nesta madrugada

VÍDEO: Pista argentina da MotoGP é palco de grande incêndio; veja

Casa da MotoGP na Argentina, o autódromo de Termas de Río Hondo, em Santiago del Estero, foi palco de um incêndio de grandes proporções na madrugada deste sábado. Segundo o La Nación, um bombeiro envolvido no combate às chamas teria afirmado que “80% da parte de construção da pista foi perdida, consumida pelo fogo... Estamos tentando salvar o museu, mas isso é um desastre”. Confira imagens no vídeo abaixo:

 

De acordo com o jornal do país, o fogo já chegou à área dos boxes. O incêndio teria começado em andares superiores do complexo dedicado ao esporte a motor, de modo que a altura dificultou o combate às chamas. Estas, posteriormente, teriam se alastrado com o vento.

O editor recomenda:

Segundo a publicação argentina, o prejuízo é milionário e algumas áreas do autódromo teriam sido derretidas. No momento, como relatado, o que se pretende é impedir que o fogo chegue ao museu de Termos de Río Hondo.

Autódromo Termas de Río Hondo

Autódromo Termas de Río Hondo

Por ora, informou o La Nación, os danos materiais são incalculáveis. O autódromo é um dos melhores da Argentina e segue altos padrões internacionais, sendo sede da etapa 'hermana' da MotoGP há vários anos. De acordo com o jornal, porém, a pista tem seguro contra incêndio.

A edição de 2021 do GP da Argentina seria a segunda etapa da temporada 2021, marcada inicialmente para o início de abril. Mas a incerteza criada pela pandemia fez a MotoGP adiar as etapas de Termas e a de Austin, nos Estados Unidos, para o final do ano, ainda sem data definida.

Logo pela manhã, o diretor geral do Autódromo de Termas de Rio Hondo, Héctor Farina, divulgou uma nota sobre a situação:

"Lamentavelmente, todo o edifício de boxes foi destruído pelo incêndio que atingiu o autódromo nas últimas horas. Esse setor também incluía o centro de imprensa, a direção de prova e salas VIP. Tanto o museu quanto a torre de controle, que se encontram no outro extremo, junto a outras oficinas, centro médico e mais não sofreram danos consideráveis".

"O museu deve ser reaberto ao público nos próximos dias. O autódromo possui seguro total contra incêndio, ou seja, o dano econômio está coberto, mas deve levar bastante tempo para reconstruir essa importante área necessária para a realização de eventos nacionais e internacionais".

"Graças a Deus estamos lamentando isso e não vítimas. Queremos agradecer a todos que colaboraram nesse momento de muito perigo por conta do vento. Agradeço muito aos bombeiros, policiais, pessoas do município, trabalhadores do autódromo, que deram o seu melhor para evitar ainda mais danos".

"Iniciaremos o trabalho já para fazer todo o possível para podermos cumprir com o calendário que já temos previsto, incluindo a MotoGP em novembro".

F1 na BAND? O que esperar da COBERTURA da categoria na possível VOLTA à emissora:

PODCAST: Bottas reagirá na Mercedes? Como compará-lo a Barrichello, Webber e cia?

 

Nova parceria com ThePlayer.com, a melhor opção para apostas e diversão no Brasil

Registre-se gratuitamente no ThePlayer.com e acompanhe tudo sobre Fórmula 1 e outros esportes! Você confere o melhor conteúdo sobre o mundo das apostas e fica por dentro das dicas que vão te render muita diversão e também promoções exclusivas. Venha com a gente!

compartilhar
comentários
MotoGP: Após Avintia revelar moto de 2021, veja calendário de lançamentos das equipes

Artigo anterior

MotoGP: Após Avintia revelar moto de 2021, veja calendário de lançamentos das equipes

Próximo artigo

Honda segue Ducati e KTM e confirma permanência na MotoGP até 2026

Honda segue Ducati e KTM e confirma permanência na MotoGP até 2026
Carregar comentários

Sobre esta matéria

Categoria MotoGP
Autor Redação Motorsport.com