Stock Car Velocitta

Stock Car: Rafael Suzuki alcança meta e entra no top 6 do campeonato

Piloto do carro #8 escalou três posições na classificação geral, após mais uma etapa de resultados positivos

Rafael Suzuki

O Autódromo do Velocitta (Mogi Guaçu - SP) recebeu a sexta etapa da Stock Car, com movimentadas provas no domingo (06), marcando o fim da primeira metade da temporada de 2023, e concretizando mais um passo de Rafael Suzuki em sua ascensão na classificação do campeonato. Com os pontos somados, ele subiu para a sexta posição entre os 35 pilotos do grid, se aproximando da briga pela ponta.

Leia também:

As atividades na pista do interior paulista começaram difíceis para o piloto e sua equipe. No sábado, o desempenho foi melhor, e Suzuki garantiu vaga no Q2 entre os 15 melhores, e ficou com a 12ª posição no grid de largada.

Já no domingo, a primeira prova foi de recuperação, pois, para evitar um toque à sua frente, Rafael caiu para a 20ª colocação. Após isso, ele foi reconstruindo sua performance, e com um bom trabalho da equipe no pit stop e estratégia certeira, assegurou a sexta colocação e 15 pontos na corrida 1. Pela regra do grid invertido, largou na 5ª posição para a segunda prova, que foi marcada por um longo safety car. A prova percorreu por pouco mais de 10 minutos, e o piloto estabeleceu um ritmo constante de prova, completando na 4ª colocação. As vitórias do dia ficaram com Ricardo Zonta e Matias Rossi.

Ascensão constante

Rafael Suzuki vem tendo uma escalada importante na temporada. Após ser acertado por um adversário em Goiânia e sair sem pontos e em 31º na tabela após a etapa 1, ele deu um salto com o pódio em Interlagos (saiu de 30º para 2º na corrida) e foi para 18º na classificação. Em Tarumã, foi o quarto maior pontuador da etapa, e subiu para 14º. Na sequência, conquistou mais um pódio com o 3º lugar em Cascavel, e entrou no top-10. Com os resultados da 5ª etapa, em Interlagos, subiu mais uma posição para chegar em 9º.

Com os resultados no Velocitta, Suzuki soma 122 pontos e é a primeira vez que alcança o grupo dos seis melhores do campeonato - uma das metas do ano -, o que significa que na etapa de Goiânia ele levará 5 kg a mais em seu carro, por conta do lastro de sucesso.

“Estou muito feliz com o resultado, somamos muitos pontos nesta etapa, e queremos entrar na briga pelo campeonato. A equipe fez dois pit-stops perfeitos, uma boa estratégia, e tive um ritmo forte, que nos levaram a ganhar posições nas duas corridas. Agora, teremos o lastro de sucesso - por um bom motivo - e vamos trabalhar para seguirmos ainda mais fortes na segunda metade do campeonato”.

A 7ª etapa acontece ainda neste mês, entre os dias 25 e 27, no Autódromo de Goiânia.

Qual a DIFERENÇA entre o domínio de Max com a Red Bull e o pico de Hamilton/Mercedes? E a McLaren?

Faça parte do Clube de Membros do Motorsport.com no YouTube

Quer fazer parte de um seleto grupo de amantes de corridas, associado ao maior grupo de comunicação de esporte a motor do mundo? CLIQUE AQUI e confira o Clube de Membros do Motorsport.com no YouTube. Nele, você terá acesso a materiais inéditos e exclusivos, lives especiais, além de preferência de leitura de comentários durante nossos programas. Não perca, assine já!

Podcast #241 – Verstappen distorce domínio da Red Bull? Vencerá todas até o fim do ano?

 

 

ACOMPANHE NOSSO PODCAST GRATUITAMENTE:

 

Faça parte da comunidade Motorsport

Join the conversation
Artigo anterior RETA FINAL: Sainz na Audi e Palou na AlphaTauri ou Williams? O mercado da F1 e o fim de semana da Stock Car e F4
Próximo artigo Podcast #242 – O que a F1 2023 traz de positivo, apesar da falta de vencedores diferentes?

Principais comentários

Cadastre-se gratuitamente

  • Tenha acesso rápido aos seus artigos favoritos

  • Gerencie alertas sobre as últimas notícias e pilotos favoritos

  • Faça sua voz ser ouvida com comentários em nossos artigos.

Motorsport prime

Descubra conteúdo premium
Assinar

Edição

Brasil Brasil