Veja a breve história da Fórmula 1 no mundo de jogos eletrônicos

compartilhar
comentários
Veja a breve história da Fórmula 1 no mundo de jogos eletrônicos
Por:
, Editor
8 de abr de 2020 14:51

Com a crescente popularidade do eSport em meio à paralisação temporária, conheça como foi a evolução dos games de F1

Dos primeiros dias nos arcades até os eSports de alta qualidade que conhecemos hoje, a Fórmula 1 evoluiu consideravelmente no mundo virtual através dos anos - tanto que parte do grid está se embrenhando no mundo do streaming além de seus compromissos no mundo real.

Aqui você vai conhecer um pouco da história da Fórmula 1 no mundo dos games

Leia também:

As primeiras raízes da F1 nos jogos de arcade datam da década de 1970. A desenvolvedora de games japonesa Namco teve um dos primeiros sucessos com o F-1, que foi lançado em 1976.

A Namco seguiu esse com a produção de Pole Position, seis anos depois, que se tornaria um dos arcades mais famosos no mundo. O jogo contava com etapa como uma classificação com voltas mais rápidas e corridas contra o computador, colocando o game à frente de seu tempo, levando até a sites como o IGN a nomear, em 2015, o Pole Position como o game mais importante de corridas de todos os tempos.

Enquanto os videogames continuaram avançando e os consoles pessoais foram se tornando mais populares, a F1 fez a transição, se afastando dos arcades. Super Mônaco GP (1989) foi um sucesso no Sega Megadrive, e teve a participação de Ayrton Senna no desenvolvimento da sequência, lançado em 1992, enquanto games como Grand Prix (1992) começou o movimento para elementos mais próximos do simulador.

O primeiro grande sucesso da F1 com jogos de simulador foi Grand Prix 2, que foi produzido para PC pela Geoff Crammond. Com base na temporada de 1994, contava com um grid completo de equipes e pilotos, um modo campeonato e finais de semana de GPs.

Ele permitia aos jogadores ajustarem os carros, que também simulavam falhas técnicas. O jogo teve outras sequências: Grand Prix 3 (2000) e Grand Prix 4 (2002), com o último mantendo sua popularidade por boa parte da década devido a uma comunidade dedicada.

Grand Prix 2 screen shoot

Grand Prix 2 screen shoot

Photo by: Codemasters

De volta aos consoles pessoais, a grande popularidade do primeiro PlayStation da Sony levou ao Fórmula 1 (1996) se tornar um dos jogos mais vendidos no Reino Unido. Ele incluía um modo de temporada completa, além de comentário de Murray Walker, e também contava com uma surpresa na forma de uma pista de corrida que você podia desbloquear. A pista tinha a forma de um carro de F1.

Fórmula 1 97 (1997) também foi um grande sucesso, mesmo se as dificuldades de copyright sobre a inclusão de Jacques Villeneuve levou ao piloto ser chamado "Williams Numberone". Mas uma mudança no desenvolvedor levou às versões de 1998 e 1999 a terem menos sucesso, encerrando uma era de ouro da F1 no PS1.

A licença da F1 era dividida entre a Electronic Arts - que continuou a produzir uma versão anual como parte de seu bem-sucedido catálogo de games esportivos - e a Sony entre 2000 e 2003, atravessando o lançamento do PlayStation 2. A EA também produziu alguns jogos em versão única, como o F1 Manager para PC, que foi outro favorito entre os jogadores, por colocá-los na cadeira do chefe de equipe.

A partir de 2003, a Sony se tornou a detentora exclusiva dos games de F1, limitando-os à sua própria família de consoles PlayStation. Houve avanços nos gráficos e na jogabilidade, com cada um dos games também incluindo um modo carreira completo. Também foi notado um crescente interesse em jogos multiplayer online, com um passo notável em todas as áreas vindas no primeiro game da F1 feito para o PlayStation 3, F1 Championship Edition (2007). Mas com os direitos da Sony chegando ao fim, a Codemasters assumiu a função, abrindo a porta novamente para os jogos multiplataforma.

A primeira produção da Codemasters no mundo da F1 foi o F1 2009, para o Nintendo Wii, terminando uma seca de três temporadas sem jogo. Lançado no final da temporada, ele teve dificuldades em se popularizar e teve recepção média da crítica, particularmente devido aos gráficos limitados.

Mas um grande passo adiante foi feito pela Codemasters com o F1 2010, o primeiro a ser lançado no PS3 e no rival Xbox 360. Ano a ano, a empresa de Birmingham continuou a avançar, introduzindo novidades como os Safety Cars e adicionando mais camadas no modo carreira, com os fãs buscando emular seus heróis. Um game no estilo Mario Kart, chamado F1 Race Stars também foi lançado em 2012, mas foi uma produção única no catálogo de games de corridas da Codemasters.

O primeiro game para a oitava geração de consoles (PlayStation 4 e Xbox One) foi o F1 2015, mas com o F1 2017 veio um marco importante para a série: a criação de um campeonato oficial de eSports.

Com um grande apoio da F1 como parte da busca da Liberty Media em atrair fãs mais jovens, a Fórmula 1 eSports Series buscava encontrar os gamers mais rápidos do mundo em 2017. Após uma série de classificatórias online e semifinais ao vivo em Londres, os 20 melhores pilotos foram convidados para o GP de Abu Dhabi para a grande final, onde o britânico Brendon Leigh conquistou o título.

F1 2016 screenshot

F1 2016 screenshot

Photo by: Codemasters

O sucesso da primeira temporada levou a um crescimento em 2018, quando nove das dez equipes do grid montaram times no eSport, permitindo a eles batalharem por um campeonato virtual - e os pilotos disputavam 200 mil dólares em prêmios. Agora como piloto da Mercedes, Leigh conquistou o bicampeonato, tendo sido incorporado às instalações da equipe em Brackley para aprimorar suas habilidades. Em 2019, a Ferrari entrou no campeonato de eSport, e os prêmios subiram novamente, agora para 500 mil dólares - e a equipe italiana venceu o campeonato em seu primeiro ano com David Tonizza, que acabou com o reinado de Leigh.

Mas antes que qualquer detalhe sobre a temporada de 2020 pudesse ser definido, um marco ainda maior atingiu os games de F1. Com a pandemia do Covid-19 causando o atraso no inícío da nova temporada, o eSport se viu como um novo protagonismo, mantendo os fãs entretidos e oferecendo uma saída para que fãs e pilotos matem a saudade das corridas.

Horas depois do primeiro cancelamento, os eventos começaram a surgir, incluindo uma série regular coproduzida pela Veloce Esports e o Motorsport Games. Os eventos do #NãoÉoGP foram realizados no lugar das corridas, e contam com a participação de pilotos da vida real, como Lando Norris, Nicholas Latifi e Stoffel Vandoorne, além de celebridades como o piloto do Real Madrid Thibaut Courtois e o golfista profissional Ian Poulter

A F1 também criou uma série de GPs Virtuais, com pilotos como Charles Leclerc, George Russell, Alexander Albon e Antonio Giovinazzi integrando o grid. Esse nível de envolvimento dos pilotos ajudou a aumentar o interesse nos eventos de eSports.

Sem nenhuma corrida real acontecendo por enquanto, o eSport se tornou uma saída importante para os fãs da F1. Não apenas permite a eles ver ações nas pistas virtuais e curtir as batalhas que eles veem na TV a cada domingo, mas também dá um modo importante de manter a conexão com seus pilotos favoritos durante esse período difícil. Há também o benefício acrescido de manter os fãs entretidos enquanto no conforto de suas casas, enquanto a maioria dos países estabelecem períodos de quarentena para combater a disseminação da Covid-19.

Os games de F1 já tiveram um percurso interessante ao longo dos últimos 40 anos, mas eles nunca foram tão populares ou relevantes quanto são hoje.

Charles Leclerc, Scuderia Ferrari

Charles Leclerc, Scuderia Ferrari

Photo by: Codemasters

GALERIA: Veja como funciona o game F1 2019, usado nos eventos de eSports

Galeria
Lista

Virtual Bahrain Gran Prix

Virtual Bahrain Gran Prix
1/37

Foto de: YouTube screen grab

Virtual Bahrain Gran Prix

Virtual Bahrain Gran Prix
2/37

Foto de: YouTube screen grab

Virtual Bahrain Gran Prix

Virtual Bahrain Gran Prix
3/37

Foto de: YouTube screen grab

Virtual Bahrain Gran Prix

Virtual Bahrain Gran Prix
4/37

Foto de: YouTube screen grab

Virtual Bahrain Gran Prix

Virtual Bahrain Gran Prix
5/37

Foto de: YouTube screen grab

Virtual Bahrain Gran Prix

Virtual Bahrain Gran Prix
6/37

Foto de: YouTube screen grab

Virtual Bahrain Gran Prix

Virtual Bahrain Gran Prix
7/37

Foto de: YouTube screen grab

Virtual Bahrain Gran Prix

Virtual Bahrain Gran Prix
8/37

Foto de: YouTube screen grab

Virtual Bahrain Gran Prix

Virtual Bahrain Gran Prix
9/37

Foto de: YouTube screen grab

Virtual Bahrain Gran Prix

Virtual Bahrain Gran Prix
10/37

Foto de: YouTube screen grab

Virtual Bahrain Grand Prix

Virtual Bahrain Grand Prix
11/37

Foto de: YouTube screen grab

Codemasters 1 2019 screenshots

Codemasters 1 2019 screenshots
12/37

Foto de: Codemasters

F1 2019 screen shots

F1 2019 screen shots
13/37

Foto de: Codemasters

Lando Norris, F1 2019 screenshot

Lando Norris, F1 2019 screenshot
14/37

Foto de: Veloce Racing

F1 2019 screenshot

F1 2019 screenshot
15/37

Foto de: Veloce Racing

F1 2019 screenshot

F1 2019 screenshot
16/37

Foto de: Codemasters

F1 2019 screenshot

F1 2019 screenshot
17/37

Foto de: Codemasters

F1 2019 screenshot

F1 2019 screenshot
18/37

Foto de: Codemasters

F1 2019 screenshot

F1 2019 screenshot
19/37

Foto de: Codemasters

F1 2019 screenshot

F1 2019 screenshot
20/37

Foto de: Codemasters

F1 2019 screenshot

F1 2019 screenshot
21/37

Foto de: Codemasters

F1 2019 screenshot

F1 2019 screenshot
22/37

Foto de: Codemasters

F1 2019 screenshot

F1 2019 screenshot
23/37

Foto de: Codemasters

F1 2019 screenshot

F1 2019 screenshot
24/37

Foto de: Codemasters

F1 2019 screenshot

F1 2019 screenshot
25/37

Foto de: Codemasters

F1 2019 screenshot

F1 2019 screenshot
26/37

Foto de: Codemasters

F1 2019 screenshot

F1 2019 screenshot
27/37

Foto de: Codemasters

F1 2019 screenshot

F1 2019 screenshot
28/37

Foto de: Codemasters

F1 2019 screenshot

F1 2019 screenshot
29/37

Foto de: Codemasters

Скриншот F1 2019

Скриншот F1 2019
30/37

Скриншот F1 2019

Скриншот F1 2019
31/37

Скриншот F1 2019

Скриншот F1 2019
32/37

Скриншот F1 2019

Скриншот F1 2019
33/37

Скриншот F1 2019

Скриншот F1 2019
34/37

Codemasters 1 2019 screenshots

Codemasters 1 2019 screenshots
35/37

Foto de: Codemasters

Codemasters 1 2019 screenshots

Codemasters 1 2019 screenshots
36/37

Foto de: Codemasters

Codemasters 1 2019 screenshots

Codemasters 1 2019 screenshots
37/37

Foto de: Codemasters

VÍDEO: Por que a Aston Martin voltará para a Fórmula 1 em 2021

PODCAST: Há vida feliz fora da Fórmula 1?

 

 

Valentino Rossi confirma participação na segunda etapa do eSports da MotoGP

Artigo anterior

Valentino Rossi confirma participação na segunda etapa do eSports da MotoGP

Próximo artigo

Leclerc, Norris, irmãos Fittipaldi e Courtois farão GPs virtuais contra o coronavírus

Leclerc, Norris, irmãos Fittipaldi e Courtois farão GPs virtuais contra o coronavírus
Carregar comentários

Sobre esta matéria

Categoria eSports
Autor Luke Smith