Fórmula 1
03 jul
-
05 jul
Evento encerrado
10 jul
-
12 jul
Evento encerrado
R
GP da Hungria
17 jul
-
19 jul
Próximo evento em
3 dias
31 jul
-
02 ago
Próximo evento em
17 dias
R
GP de 70º aniversário
07 ago
-
09 ago
Próximo evento em
24 dias
28 ago
-
30 ago
Próximo evento em
45 dias
04 set
-
06 set
Próximo evento em
52 dias
R
GP de Singapura
17 set
-
20 set
Canceled
25 set
-
27 set
Próximo evento em
73 dias
08 out
-
11 out
Canceled
R
GP dos Estados Unidos
23 out
-
25 out
Próximo evento em
101 dias
R
GP do México
30 out
-
01 nov
Próximo evento em
108 dias
13 nov
-
15 nov
Próximo evento em
122 dias
R
GP de Abu Dhabi
27 nov
-
29 nov
Próximo evento em
136 dias

Alonso: “Ano em casa seria um desperdício de tempo para todos”

compartilhar
comentários
Alonso: “Ano em casa seria um desperdício de tempo para todos”
Por:
27 de fev de 2019 14:26

Espanhol fala de novo cargo na McLaren e se diz ansioso para ajudar em desenvolvimento nos bastidores

Fernando Alonso disse que passar o ano de 2019 sem fazer nada seria um "desperdício de tempo para todos", depois de anunciar que irá fazer um teste com o carro de Fórmula 1 da McLaren neste ano ao lado de sua presença na Indy 500 e a temporada do Mundial de Endurance.

Perguntado sobre o que vai tirar do seu novo cargo de embaixador na McLaren, Alonso disse: “no momento, como eu disse no ano passado, me sinto no auge da minha carreira”.

Leia também:

 
 

“Então, provavelmente estar em casa é um desperdício de tempo e possibilidades para todos.”

“Primeiro para mim, porque estou fazendo corridas diferentes e icônicas agora. Sinto-me no melhor momento da minha carreira de piloto, por isso espero vencer o maior número possível de corridas. Eu também vou continuar envolvido na vida da F1, só por precaução.”

O piloto de 37 anos manteve a porta aberta para um retorno à F1, apesar de o final da temporada do ano passado em Abu Dhabi ter sido tratado como uma despedida final.

Alonso disse: “estou mais forte do que nunca agora, aos 37 anos: fisicamente, mentalmente e com o histórico que tenho em diferentes categorias e diferentes estilos de pilotagem”.

“Então eu me sinto muito bem agora, muito competitivo em qualquer carro que eu vá correr.”

“Vou continuar por alguns anos e selecionar quais corridas podem causar impacto na minha carreira e competir nelas. Como eu disse, se um dia a Fórmula 1 chegar novamente no momento em que eu puder ser competitivo, e eventualmente puder estar ganhando, não posso estar em casa.”

"Eu preciso me manter atualizado, e a melhor maneira é estar envolvido de alguma forma."

O papel de Alonso incluirá ajudar os engenheiros da McLaren e seus novos pilotos na F1, Carlos Sainz e Lando Norris.

Seu trabalho de teste será significativo porque a equipe definiu que o incluirá no desenvolvimento de seu carro de 2020. Alonso crê que seu papel seja dividido entre estar na pista e trabalhar remotamente.

"Tenho meus compromissos com as corridas, com o calendário do WEC e a Indy 500, então, especialmente na primeira metade da temporada, será muito trabalhoso para mim assistir corridas de F1", disse Alonso.

“Mas se eu não estiver presente no circuito, teremos um link via email ou videoconferência, ou estarei na fábrica no simulador ou nos debriefs. Ainda será bastante relevante.”

Lando Norris, McLaren MCL34

Lando Norris, McLaren MCL34

Photo by: Glenn Dunbar / LAT Images

Próximo artigo
Vettel bate Ferrari na manhã de testes da Fórmula 1 em Barcelona

Artigo anterior

Vettel bate Ferrari na manhã de testes da Fórmula 1 em Barcelona

Próximo artigo

Ricciardo: "Nenhuma evidência clara" da Renault à frente de equipes médias

Ricciardo: "Nenhuma evidência clara" da Renault à frente de equipes médias
Carregar comentários

Sobre esta matéria

Categoria Fórmula 1
Pilotos Fernando Alonso Compre Agora
Equipes McLaren Compre Agora
Autor Scott Mitchell