Após boa recuperação de cirurgia, Wilson Fittipaldi recebe alta de hospital

Um dos grandes nomes do automobilismo brasileiro se recuperou bem de cirurgia para conter uma hemorragia cerebral na última semana

Após boa recuperação de cirurgia, Wilson Fittipaldi recebe alta de hospital
Carregar reprodutor de áudio

A semana do automobilismo começa com uma grande notícia: Wilsinho Fittipaldi, um dos gigantes do esporte no Brasil e no mundo, recebeu alta do hospital Sancta Maggiore, em São Paulo.

Fittipaldi passou por uma cirurgia para conter uma hemorragia cerebral há uma semana e não teve complicações durante todo o período sob cuidado intensivo e também no quarto no hospital. Wilsinho foi liberado nesta segunda-feira e continuará o tratamento em casa.

Leia também:

O ex-piloto da F1 caiu alguns dias antes e começava a ter perda de funções neurológicas. No domingo, 15 de março, ele deu entrada no hospital e após tomografia foi constatada a hemorragia, sanada logo em seguida, com o procedimento da equipe do Dr. Erich Fonoff.

Wilsinho, filho do ‘Barão’ Wilson Fittipaldi e irmão de Emerson Fittipaldi, é um dos grandes pioneiros do Brasil. Ele competiu na F1 em três temporadas, 1972, 1973 (a única completa) e 1975, tendo passado antes pela Fórmula Ve, nos anos 1960. O melhor resultado como piloto da maior categoria do automobilismo mundial foi um quinto lugar no GP da Alemanha de 1973, realizado em Nurburgring, além da terceira colocação no GP do Brasil de 1972, mas que não valia pontos para o campeonato.

Wilsinho também foi parte importante da equipe Copersucar-Fittipaldi, como piloto no ano da estreia da escuderia brasileira e também diretor da equipe, até o início dos anos 1980, com o fim do time. Depois chegou a competir na Stock Car e se dedicou na carreira de Christian.

Confira imagens de Wilsinho na F1

Wilson Fittipaldi disputa posição com James Hunt no GP do Canadá de 1973
Wilson Fittipaldi disputa posição com James Hunt no GP do Canadá de 1973
1/11

Foto de: LAT Images

Wilson Fittipaldi, Copersucar FD03
Wilson Fittipaldi, Copersucar FD03
2/11

Foto de: Sutton Motorsport Images

Wilson Fittipaldi, Copersucar FD02
Wilson Fittipaldi, Copersucar FD02
3/11

Foto de: Sutton Motorsport Images

Wilson Fittipaldi, Copersucar FD02
Wilson Fittipaldi, Copersucar FD02
4/11

Foto de: Sutton Motorsport Images

Wilson Fittipaldi, Copersucar FD01
Wilson Fittipaldi, Copersucar FD01
5/11

Foto de: Sutton Motorsport Images

Wilson Fittipaldi Jr., Copersucar Fittipaldi FD01-Ford
Wilson Fittipaldi Jr., Copersucar Fittipaldi FD01-Ford
6/11

Foto de: LAT Images

Wilson Fittipaldi Jr., Copersucar Fittipaldi FD01-Ford
Wilson Fittipaldi Jr., Copersucar Fittipaldi FD01-Ford
7/11

Foto de: LAT Images

Wilson Fittipaldi Jr., Copersucar FD02 Ford
Wilson Fittipaldi Jr., Copersucar FD02 Ford
8/11

Foto de: LAT Images

Denny Hulme, McLaren M23 Ford, lidera sobre Chris Amon, Tecno PA123B, e Wilson Fittipaldi, Brabham BT42 Ford
Denny Hulme, McLaren M23 Ford, lidera sobre Chris Amon, Tecno PA123B, e Wilson Fittipaldi, Brabham BT42 Ford
9/11

Foto de: LAT Images

Graham Hill, George Follmer, Wilson Fittipaldi, Emerson Fittipaldi, Carlos Reutemann, Denny Hulme, Jackie Oliver, Ronnie Peterson, Arturo Merzario, Jody Scheckter, Jackie Stewart e François Cévert
Graham Hill, George Follmer, Wilson Fittipaldi, Emerson Fittipaldi, Carlos Reutemann, Denny Hulme, Jackie Oliver, Ronnie Peterson, Arturo Merzario, Jody Scheckter, Jackie Stewart e François Cévert
10/11

Foto de: LAT Images

Jacky Ickx, Ferrari 312B3 à frente de Wilson Fittipaldi, Brabham BT42 Ford
Jacky Ickx, Ferrari 312B3 à frente de Wilson Fittipaldi, Brabham BT42 Ford
11/11

Foto de: LAT Images

 

compartilhar
comentários
Chase Carey espera temporada 2020 da F1 com 15 a 18 corridas
Artigo anterior

Chase Carey espera temporada 2020 da F1 com 15 a 18 corridas

Próximo artigo

F1 pode ter menor número de corridas em 37 anos; confira temporadas com menos provas da história

F1 pode ter menor número de corridas em 37 anos; confira temporadas com menos provas da história