Clientes, Haas e Alfa Romeo não terão atualização de motor Ferrari na Espanha

Times que tem ligação com escuderia italiana não terão os mesmos componentes novos que equipe principal para prova na Catalunha deste fim de semana

Clientes, Haas e Alfa Romeo não terão atualização de motor Ferrari na Espanha

A Ferrari trouxe uma nova especificação de motor para Barcelona, local do GP da Espanha de F1, ​​duas corridas antes do planejado, juntamente com um novo lubrificante de seu parceiro técnico, a Shell.

No entanto, nenhuma das equipes que tem aliança técnica usará o mecanismo atualizado.

No passado, os clientes da Ferrari utilizavam atualizações do motor junto com a equipe principal, mas a decisão de acelerar a introdução foi feita de forma independente.

Leia também:

Haas e Alfa Romeo vão mudar para o motor atualizado na próxima corrida, em Mônaco, ou na corrida seguinte, no Canadá.

"No ano passado, tivemos atualizações antes deles, foi o oposto", disse o chefe da Haas, Gunther Steiner. "Todo mundo disse: 'Por que era assim?' e agora é o contrário. Então, como devemos agir agora?”

"Fazer isso ao mesmo tempo é sempre logisticamente muito difícil para eles, então uma razão ou outra, dependendo da atualização, eles nos perguntam se estamos bem e estamos bem com isso.”

"No final, eles precisam administrar o motor, a quilometragem e todas essas coisas. Estamos muito felizes com o que eles sugeriram. Não foi decidido se o teremos em Monte Carlo ou no Canadá."

Uma das vantagens de rodar o motor atualizado em Mônaco é dar à Haas e à Alfa a chance de avaliar quaisquer possíveis problemas antes do Canadá, que é mais sensível à potência.

A Haas também não tem a mesma especificação de combustível que a Ferrari, mas Steiner não acredita que seja uma desvantagem.

"É apenas uma decisão que tomamos", disse ele. "É isso, não há nada por trás disso. É um pouco diferente e está tudo bem."

Perguntado se isso custa desempenho, Steiner disse: "Eu não penso assim porque eu não sei o que eles têm. Eu não tenho nada a comparar."

compartilhar
comentários
Análise Técnica: As primeiras impressões das mudanças da Mercedes

Artigo anterior

Análise Técnica: As primeiras impressões das mudanças da Mercedes

Próximo artigo

Verstappen evita opinar sobre F1 no RJ, mas pondera: “Sempre gostei de São Paulo”

Verstappen evita opinar sobre F1 no RJ, mas pondera: “Sempre gostei de São Paulo”
Carregar comentários