Domenicali: "Não podemos depender dos erros dos outros"

Chefe da Ferrari quer melhorias no carro para Fernando Alonso lutar por vitórias e pede atenção à confiabilidade

Mesmo após o terceiro lugar no GP de Cingapura, a Ferrari reconhece que não pode continuar apenas lucrando com as falhas dos rivais nas seis etapas que restam se quiser levar Fernando Alonso ao título de pilotos.

Após 14 etapas, o espanhol tem 29 pontos de vantagem para Sebastian Vettel e 52 para o primeiro piloto da McLaren na tabela, Lewis Hamilton. A equipe inglesa vem demonstrando ser o time a ser batido nas últimas cinco provas, enquanto a Ferrari não parece ter condições de lutar por vitórias.

“É fundamental dar a Fernando um carro melhor em determinadas condições. Temos de nos certificar que ele possa vencer novamente até o final, caso contrário o título será muito difícil”, reconheceu o chefe da equipe italiana, Stefano Domenicali. “Teríamos de contar com os problemas dos outros, o que não é o certo a fazer no momento.”

O dirigente afirmou que “não é impossível” para Alonso vencer o campeonato sem cruzar em primeiro nas seis etapas restantes, “mas é fundamental para nós que ele consiga vencer.”

Por outro lado, Domenicali destacou que o ponto positivo da Ferrari é a confiabilidade. Enquanto a Red Bull teve uma quebra com Vettel e a McLaren teve duas, uma com Button e outra com Hamilton nos dois últimos GPs, o time italiano não abandona uma prova por problemas no carro desde o GP da Espanha de 2011, há 28 GPs.

“A confiabilidade para mim é o aspecto fundamental até o final da temporada. Sabemos que sofremos problemas [nos treinos] em Monza, sabemos que poderíamos ter outros problemas em Cingapura, então é uma prioridade. Os pontos são o que conta, então, se tiver uma quebra, sabemos que a pena neste estágio da temporada é muito grande.”

“Não esqueça que agora estamos em uma situação na qual faltará motores para todos – a quilometragem será importante. Então é algo muito crucial.”

Be part of Motorsport community

Join the conversation
Artigo anterior McLaren não vê relação entre toque e abandono de Hamilton
Próximo artigo Glock comemora 12º lugar em Cingapura "como se fosse um pódio"

Top Comments

Ainda não há comentários. Seja o primeiro a comentar.

Sign up for free

  • Get quick access to your favorite articles

  • Manage alerts on breaking news and favorite drivers

  • Make your voice heard with article commenting.

Motorsport prime

Discover premium content
Assinar

Edição

Brasil