Fórmula 1
25 mar
Próximo evento em
25 dias
06 mai
Próximo evento em
67 dias
20 mai
Próximo evento em
81 dias
R
GP do Azerbaijão
03 jun
Próximo evento em
95 dias
10 jun
Próximo evento em
102 dias
24 jun
Próximo evento em
116 dias
R
GP da Áustria
01 jul
Próximo evento em
123 dias
R
GP da Grã-Bretanha
15 jul
Próximo evento em
137 dias
29 jul
Próximo evento em
151 dias
R
GP da Bélgica
26 ago
Próximo evento em
179 dias
02 set
Próximo evento em
186 dias
09 set
Próximo evento em
193 dias
23 set
Próximo evento em
207 dias
R
GP de Singapura
30 set
Próximo evento em
214 dias
07 out
Próximo evento em
221 dias
21 out
Próximo evento em
235 dias
28 out
Próximo evento em
242 dias
R
GP da Arábia Saudita
03 dez
Próximo evento em
278 dias
R
GP de Abu Dhabi
12 dez
Próximo evento em
287 dias

Em dia de Maldonado desastrado, Lotus comemora top 10 de Grosjean

Venezuelano, que já havia batido feio no Bahrein, errou nos dois treinos e sofreu mais um acidente

compartilhar
comentários
Em dia de Maldonado desastrado, Lotus comemora top 10 de Grosjean
Menos de duas semanas depois de causar um espetacular acidente no GP do Bahrein, provocando a capotagem da Sauber de Esteban Gutierrez, Pastor Maldonado voltou a aprontar nesta sexta-feira de treinos livres na China. Na primeira sessão, rodou, enquanto mexia nos botões do volante e, no segundo treino, bateu na entrada dos boxes. A Lotus pelo menos pode comemorar o bom treino de seu companheiro, Romain Grosjean, que terminou o dia em nono.

"Tudo parecia estar um pouco melhor hoje. Todos estão trabalhando duro, tanto no lado do chassi, quanto em relação à unidade de potência”, comemorou o francês. “Foi uma boa sexta-feira para nós no geral. Conseguimos dar muitas voltas e entender o máximo possível sobre o E22. Avaliamos também um número razoável de configurações no carro e no motor. Há ainda áreas que precisamos entender melhor. Para amanhã, vamos ver o que pode ser alcançado e é claro que seria maravilhoso se qualificar entre os dez primeiros”, completou Grosjean.

Maldonado teve o treino prejudicado pelo acidente e ficou na 18ª posição. O venezuelano assumiu o erro. "O incidente desta tarde foi um erro da minha parte. Eu estava um pouco otimista em relação à entrada para os boxes. É uma parte difícil da pista e já vimos incidentes lá antes”, argumentou o piloto, cujo acidente lembrou o de Lewis Hamilton em 2007.

“Agora precisamos olhar para a frente. Nós tivemos um bom FP1 e conseguimos testar algumas coisas no FP2, o que significa que temos bastante dados. Nós tentamos diferentes set-ups no carro então agora temos mais dados para analisar e nos prepararmos para amanhã. O carro está melhorando. O motor parece melhor e mais consistente, por isso estamos fazendo um bom progresso”, resumiu.
Após dar poucas voltas de novo, Nasr tenta negociar mais treinos com Williams

Artigo anterior

Após dar poucas voltas de novo, Nasr tenta negociar mais treinos com Williams

Próximo artigo

Reclamando de desgaste nos pneus, Magnussen vê McLaren menos competitiva

Reclamando de desgaste nos pneus, Magnussen vê McLaren menos competitiva
Carregar comentários

Sobre esta matéria

Categoria Fórmula 1
Evento GP da China
Pilotos Pastor Maldonado , Romain Grosjean
Autor Guilherme Carvalho