F1: Bottas aparece nu em Drive to Survive e 'quebra internet'; veja

Piloto finlandês da Mercedes é 'flagrado' em sauna ao lado de empresário e gera repercussão nas redes sociais; confira

F1: Bottas aparece nu em Drive to Survive e 'quebra internet'; veja

Nesta sexta-feira, foi lançada a terceira temporada de Drive to Survive (Dirigir para Viver), série documental da Netflix sobre a Fórmula 1.

Desta vez, o campeonato retratado é o de 2020 e um dos destaques é o terceiro episódio, no qual o piloto Valtteri Bottas, da Mercedes, aparece nu em sua sauna ao lado de seu empresário, Ville Ahtiainen.

O editor recomenda:

A cena repercutiu nas redes sociais e 'levou os fãs à loucura'.

 

O capítulo, intitulado "Provando o próprio valor", aborda como o competidor finlandês lida com a rivalidade com o companheiro de equipe britânico Lewis Hamilton, multicampeão da categoria. Entretanto, os internautas focaram na nudez de Bottas.

 

Apesar das brincadeiras, o episódio é um dos mais interessantes da terceira temporada da série, já que retrata a 'reação' de Bottas no GP da Rússia, no qual o finlandês supera Hamilton e manda recado aos críticos. A internet, porém, 'não perdoou' o piloto.

 

De todo modo, as reações à nudez de Bottas não se restringiram às críticas. Alguns fãs se manifestaram favoravelmente à opção da Netflix de incluir a cena do finlandês com seu empresário na sauna.

 

O fato é que a aparição do piloto nu impulsionou a repercussão da terceira temporada de Drive to Survive nas redes sociais: a série inclusive é um dos assuntos mais comentados do Twitter nesta sexta

 

BOTTAS REVELA QUE PENSOU EM DEIXAR A F1

A cena da sauna não foi o único destaque relativo a Bottas em Drive to Survive 3. Em meio às entrevistas com a equipe da Netflix, o finlandês revelou que pensou em deixar a F1 após receber ordem da Mercedes para deixar Hamilton ultrapassá-lo no GP da Rússia de 2018.

"Aquilo foi complicado, foi duro aceitar. Eu estava muito irritado. Honestamente, comecei a me perguntar: por que eu faço isso? Eu até pensei em desistir, parar de vez. Depois da corrida, falei que não faria mais aquilo", disse Bottas.

Na época, Hamilton era o líder do campeonato, com 281 pontos, mas tinha o alemão Sebastian Vettel, então piloto da Ferrari, em sua caça, com 241 unidades. Já Bottas era o quarto, com 171 pontos.

Na etapa de Sóchi, o finlandês caminhava para aquela que seria sua primeira vitória na temporada 2018, mas teve que deixar Hamilton passar e acabou terminando o campeonato sem triunfos. Aquele ano é considerado o pior da carreira de Bottas na F1.

"Dentro do time, ainda que muitos não admitam, talvez de forma inconsciente, eles elegem um número 1 e um número 2. Às vezes os membros do time precisam se perguntar: "Estamos dando o mesmo tratamento a Lewis e Valtteri?", ponderou o finlandês.

"Se o seu companheiro vence e você é segundo, você sente que perdeu. Eu sei que tem sido recorrente, mas eu quero provar que não sou apenas um segundo piloto", completou Bottas, que tem contrato com a Mercedes até o fim de 2021.

ERRO BÁSICO da Mercedes e previsão de PÓDIOS da McLaren: Rico Penteado analisa pré-temporada da F1

Parceria com ThePlayer.com, a melhor opção para apostas e diversão no Brasil

Registre-se gratuitamente no ThePlayer.com e acompanhe tudo sobre Fórmula 1 e outros esportes! Você confere o melhor conteúdo sobre o mundo das apostas e fica por dentro das dicas que vão te render muita diversão e também promoções exclusivas. Venha com a gente!

PODCAST: Mercedes pode ter reinado derrubado após dificuldades na pré-temporada?

 

SIGA NOSSO PODCAST GRATUITAMENTE:

compartilhar
comentários
F1: Vettel revela dificuldade com característica do carro da Aston Martin
Artigo anterior

F1: Vettel revela dificuldade com característica do carro da Aston Martin

Próximo artigo

F1: Hamilton reestrutura equipe de gestão após saída de braço direito

F1: Hamilton reestrutura equipe de gestão após saída de braço direito
Carregar comentários