F1: GPs da Arábia Saudita e de Abu Dhabi podem trocar de datas; entenda

Mudanças seriam para "aproveitar" dez dias obrigatórios de quarentena após corrida nos Emirados Árabes Unidos

F1: GPs da Arábia Saudita e de Abu Dhabi podem trocar de datas; entenda

A temporada da Fórmula 1 de 2021 pode terminar na Arábia Saudita e não mais em Abu Dhabi, como planejado no calendário original, conforme informação apurada pelo site Racefans. A mudança foi sugerida pelos Emirados Árabes Unidos estarem na "zona vermelha" da Grã-Bretanha.

A categoria teria que ficar em quarentena por dez dias ao retornar da corrida em 12 de dezembro. A troca entre os eventos permitiria que a maior parte do tempo expirasse durante o GP saudita.

Leia também:

O príncipe Khalid Bin Sultan Al Faisal, presidente da federação de automobilismo do país, declarou ao Racefans ainda não ter sido informado sobre a possível modificação no calendário: "Ninguém mencionou algo assim, mas se ajudar a Fórmula 1, posso ver se é algo que estamos dispostos a fazer."

"Eu sei por contrato que Abu Dhabi quer ser a última corrida. Por nós, prefiro não ser, mas se for algo que ajudará a categoria , então talvez possamos discutir."

A Arábia Saudita já mostrou vontade em antecipar seu GP da próxima temporada para o início de 2022 e quer trazer a corrida sprint, disputada pela primeira vez na Grã-Bretanha, para Jeddah.

"Estive em Silverstone e gostei muito como espectador e promotor", disse ele. "Acho que é bom, você tem mais mais ação no sábado e ainda a qualificação. Caso marque a pole, não significa que você começará da ponta. Isso vai pressionar equipes e pilotos, então eu realmente gostei. Gostaríamos muito de ser um dos países com o formato."

A F1 também busca uma corrida para substituir o GP da Austrália, cancelado devido às restrições impostas pela pandemia de Covid-19. Khalid confirmou que o país saudita não foi abordado sobre realizar um segundo evento.

O circuito de Losail, no Qatar, pode ser o local escolhido, em informação apurada pelo Racefans, em um acordo que precederia um contrato de dez a partir da temporada atual, mas pulando 2022 para evitar choque de calendário com a Copa do Mundo.

F1 2021: Jornalista holandês diz que VERSTAPPEN é MAIOR esportista do país e HAMILTON NÃO é INIMIGO

Assine o canal do Motorsport.com no Youtube

Os melhores vídeos sobre esporte a motor estão no canal do Motorsport.com. Inscreva-se já, dê o like (joinha) nos vídeos e ative as notificações, para sempre ficar por dentro de tudo o que rola em duas ou quatro rodas.

PODCAST: Como fica o campeonato após guerra declarada entre Verstappen e Hamilton?

 

SIGA NOSSO PODCAST GRATUITAMENTE:

compartilhar
comentários
F1 - Wolff: "Não há nada mais que Hamilton precise provar"
Artigo anterior

F1 - Wolff: "Não há nada mais que Hamilton precise provar"

Próximo artigo

F1: Entenda como interesse pela Volkswagen pode levar à adição do GP do Catar em 2021

F1: Entenda como interesse pela Volkswagen pode levar à adição do GP do Catar em 2021
Carregar comentários