F1: Hamilton diz que resultado em Baku foi "monumental" após um "desastre" de fim de semana

Piloto britânico larga da segunda posição neste domingo

F1: Hamilton diz que resultado em Baku foi "monumental" após um "desastre" de fim de semana

Lewis Hamilton disse que o resultado obtido no treino classificatório para o do GP do Azerbaijão de Fórmula 1 foi "monumental", depois do que ele disse ter sido um "desastre" de final de semana. O heptacampeão se classificou na segunda posição junto à Mercedes em Baku neste sábado (05).

Leia também:

Depois de lutar com o seu W12 durante os treinos livres, uma mudança para uma asa traseira com especificações mais baixas de downforce permitiu a Hamilton a conquista do segundo lugar do grid de largada, atrás de Charles Leclerc.

Refletindo sobre o resultado, o britânico não escondeu sua alegria.

“Acho que definitivamente não esperávamos isso”, disse. “Este é um resultado monumental para nós, porque estivemos lutando durante todo o fim de semana.

“Você pode ver, mas mantivemos nossa compostura, continuamos tendo discussões difíceis em segundo plano, continuamos nos desafiando e nunca aceitamos não como resposta."

“Nos mexemos e fizemos muitas mudanças ao longo desses dois dias. Tem sido tão difícil, mas acho que o trabalho durante a noite e entre as sessões foi incrível. Estou muito orgulhoso de todos por se manterem positivos. E estar lá em cima e tão perto desses caras é um ótimo resultado.”

O piloto da Mercedes disse que os problemas ao tentar encontrar a janela para a temperatura correta dos pneus, especialmente depois de enfrentar dificuldades semelhantes em Mônaco, foi uma grande 'dor de cabeça'.

“É uma loucura tentar fazer esses pneus funcionarem”, disse ele. “É o maior desafio que acho que tivemos em muito tempo, entender onde está o carro."

“Ele não esteve feliz durante todo o fim de semana. Tem sido um desastre, então, para nós, estarmos aqui em cima, e até mesmo Valtteri [Bottas] ficando no top-10, é um salto enorme e isso realmente se resume a um ótimo, ótimo trabalho de equipe.”

Hamilton se mostrou confiante com a corrida deste domingo.

“Nosso ritmo de corrida era muito melhor do que o ritmo de uma volta,” disse.

“Estávamos a quilômetros de distância em uma única volta e muito mais perto no ritmo de corrida. Não entendemos o porquê, mas gosto de pensar, com sorte, que estamos na mesma posição, então podemos levar essa luta amanhã.”

F1 AO VIVO: CAOS em Baku! LECLERC faz POLE em treino ACIDENTADO, com HAMILTON e MAX logo atrás | Q4

Assine o canal do Motorsport.com no Youtube

Os melhores vídeos sobre esporte a motor estão no canal do Motorsport.com. Inscreva-se já, dê o like (joinha) nos vídeos e ative as notificações, para sempre ficar por dentro de tudo o que rola em duas ou quatro rodas.

PODCAST: TELEMETRIA: O quebra-cabeças na desafiadora Baku com Rico Penteado

 

compartilhar
comentários
F1: Verstappen ainda vê boas chances em Baku, após quali “estúpido”
Artigo anterior

F1: Verstappen ainda vê boas chances em Baku, após quali “estúpido”

Próximo artigo

F1: Leclerc diz que não esperava pole em Baku depois de uma "volta de m...."

F1: Leclerc diz que não esperava pole em Baku depois de uma "volta de m...."
Carregar comentários