F1: Hamilton se anima com melhorias da Mercedes em Barcelona: "Vislumbre de esperança"

Equipe alemã trouxe uma série de atualizações para o W13 para o GP da Espanha deste fim de semana

Carregar reprodutor de áudio

Lewis Hamilton acredita que o avanço da Mercedes na Espanha oferece um “vislumbre de esperança”, mas o heptacampeão mundial da Fórmula 1 não está pensando em reviver suas esperanças de título.

A Mercedes trouxe uma série de atualizações para o W13 em Barcelona para o GP da Espanha deste fim de semana, na esperança de aliviar o problema que afetava Hamilton e seu companheiro de equipe George Russell este ano.

Leia também:

A equipe alemã mostrou sinais de melhora de ritmo nos treinos, e liderou brevemente as tabelas de tempos no Q2, quando seus rivais optaram por completar suas primeiras voltas com pneus usados.

Russell se classificou em quarto, batendo Sergio Pérez da Red Bull, enquanto Hamilton terminou a sessão em sexto, a 0s762 do tempo do pole position Charles Leclerc.

Após a classificação, Hamilton disse que estava otimista com o progresso que a Mercedes fez para aliviar o problema.

“Não temos as 'quicadas' em reta, o que é uma enorme, enorme diferença”, disse o britânico.

“Mas ainda temos algumas 'quicadas' como nas curvas 3 e 9. Portanto, ainda temos algumas melhorias a fazer, mas o carro está muito melhor.”

Hamilton acrescentou: “Você vê no Q2, fomos os mais rápidos. Então, isso é um vislumbre de esperança para a equipe.”

O heptacampeão está em sexto no campeonato de pilotos depois de cinco corridas, com 68 pontos atrás do líder Leclerc.

Questionado se o passo à frente em Barcelona lhe deu um pouco de esperança de que ele possa voltar à disputa pelo título este ano, Hamilton respondeu: “Eu realmente não estou pensando nisso, ainda estou longe."

“Meu companheiro de equipe é o quarto, o que significa que o carro deve ser pelo menos terceiro ou quarto, e eu sou o sexto. Então eu ainda estou sofrendo com o carro."

“Não sei como contornar isso, não sei o que vou fazer, mas vou continuar tentando e trabalhando pesado em mim mesmo.”

Russell concordou com a avaliação de Hamilton de que o porpoising continua sendo um problema nas curvas.

“Através das curvas em si não foi fundamentalmente diferente, apenas tivemos mais aderência e pudemos aproximar o carro do solo e sabemos que isso viria com a resolução do porpoising”, disse Russell.

“Mas acho que perdemos muito downforce para conseguir isso, e o carro provavelmente não é tão rápido quanto gostaríamos no momento para lutar com os caras da frente."

“Agora sabemos que esta é a nossa linha de base, podemos realmente construir isso e encontrar muito mais desempenho.”

Russell acrescentou que estava “confiante” de que as atualizações colocaram a Mercedes “muito mais no mix” contra Ferrari e Red Bull.

“Só temos de olhar para o dia de hoje, não foi um dia ótimo e mesmo assim tivemos o nosso melhor resultado como equipe,” disse Russell.

“Sempre estivemos entre os três primeiros, os quatro primeiros durante todo o fim de semana, e é a primeira vez em todo o fim de semana que estamos no topo da tabela de tempos durante uma sessão de classificação”, disse Russell.

“Foi um fim de semana mais fácil para nós e estamos animados para ver o que as próximas corridas trazem. Ainda vai demorar mais algumas corridas até encontrarmos muito mais ritmo", concluiu.

F1 AO VIVO: LECLERC DERROTA VERSTAPPEN e Mercedes RESSUSCITA na Espanha | Q4

Assine o canal do Motorsport.com no YouTube

Os melhores vídeos sobre esporte a motor estão no canal do Motorsport.com. Inscreva-se já, dê o like ('joinha') nos vídeos e ative as notificações para ficar por dentro de tudo o que rola em duas ou quatro rodas.

PODCAST #178: Será o fim da linha para Vettel e Alonso na F1?

 

ACOMPANHE NOSSO PODCAST GRATUITAMENTE:

compartilhar
comentários
F1: Wolff decreta ‘cura’ do porpoising e espera ir à caça de Ferrari e Red Bull
Artigo anterior

F1: Wolff decreta ‘cura’ do porpoising e espera ir à caça de Ferrari e Red Bull

Próximo artigo

F1 AO VIVO: Verstappen vence aos trancos e barrancos, Russell dá show e Leclerc amarga abandono|PÓDIO

F1 AO VIVO: Verstappen vence aos trancos e barrancos, Russell dá show e Leclerc amarga abandono|PÓDIO