Ferrari colocará Raikkonen ao lado de Alonso em 2014

Segundo "Auto Motor und Sport", decisão que tira Felipe Massa do time italiano será confirmada nesta semana

Ferrari colocará Raikkonen ao lado de Alonso em 2014
Carregar reprodutor de áudio

A Ferrari optou por Kimi Raikkonen como companheiro de Fernando Alonso, em decisão que será comunicada nesta semana. A informação é do jornalista alemão Michael Schmidt, da Auto Motor und Sport, um dos mais respeitados do paddock.

A definição encerra a carreira de oito anos de Felipe Massa na Ferrari e significa a volta do campeão de 2007, que pilotou pelo time por três temporadas, até 2009, justamente quando foi demitido para permitir a chegada de Alonso.

Em Monza, contudo, tanto Raikkonen, quanto o presidente da Ferrari, Luca di Montezemolo, demonstraram que as diferenças entre si ficaram para trás. “Isso é passado”, afirmou o finlandês sobre seus problemas com Scuderia. “Foi ele quem ganhou um título quando já não tínhamos Michael [Schumacher] e Ross [Brawn] e isso é importante”, destacou o italiano.

Dois motivos seriam fundamentais para a decisão do time: com a contratação de Daniel Ricciardo, com pouca experiência, pela Red Bull, a equipe viu a possibilidade de, contando com uma dupla mais forte, lutar pelo campeonato de construtores. Massa, desde a chegada de Alonso, não vem tendo um bom desempenho, respondendo por cerca de 35% dos pontos do time.

A segunda motivação seria relacionada ao recente enfraquecimento da relação da Ferrari com sua estrela Fernando Alonso, salientada pelas conversas de seu empresário com a Red Bull na Hungria, que lhe renderam uma bronca pública de Montezemolo, e o episódio da comunicação via rádio na classificação para o GP da Itália, em que o piloto xingou a equipe ao se sentir prejudicado. A ideia seria dar um companheiro capaz de desafiar o espanhol dentro do time.

Questionado pelo TotalRace sobre os fatores que pesam na decisão da dupla do ano que vem, o chefe da Ferrari, Stefano Domenicali, foi político. “Colocamos sobre a mesa todos os elementos e estamos analisando da forma menos passional possível. Temos de estudar a situação antes de tomar a decisão final e é por isso que o anúncio está demorando. Obviamente não é uma decisão fácil para nós e por isso levará o tempo que for preciso.”

compartilhar
comentários
Sutil e Di Resta abandonam e nanicas sofrem com bandeiras azuis
Artigo anterior

Sutil e Di Resta abandonam e nanicas sofrem com bandeiras azuis

Próximo artigo

Nasr não tem chances na Toro Rosso, crava Helmut Marko

Nasr não tem chances na Toro Rosso, crava Helmut Marko
Carregar comentários