Fórmula 1
11 jun
-
14 jun
Próximo evento em
63 dias
25 jun
-
28 jun
Próximo evento em
77 dias
R
GP da Áustria
02 jul
-
05 jul
Próximo evento em
84 dias
30 jul
-
02 ago
Próximo evento em
112 dias
R
GP da Bélgica
27 ago
-
30 ago
Próximo evento em
140 dias
03 set
-
06 set
Próximo evento em
147 dias
R
GP de Singapura
17 set
-
20 set
Próximo evento em
161 dias
24 set
-
27 set
Próximo evento em
168 dias
08 out
-
11 out
Próximo evento em
182 dias
R
GP dos Estados Unidos
22 out
-
25 out
Próximo evento em
196 dias
29 out
-
01 nov
Próximo evento em
203 dias
12 nov
-
15 nov
Próximo evento em
217 dias
R
GP de Abu Dhabi
26 nov
-
29 nov
Próximo evento em
231 dias

FIA: Não há planos de atrasar regulamento de 2021

compartilhar
comentários
FIA: Não há planos de atrasar regulamento de 2021
16 de out de 2018 21:25

Diretor de prova da F1 diz que apesar de impasse de momento, mudança de regras está garantida

O diretor de prova da FIA, Charlie Whiting, insiste que não há planos para retardar a introdução de novos regulamentos esportivos e técnicos para a Fórmula 1.

As discussões estão em andamento entre o corpo diretivo, os proprietários dos direitos comerciais e as dez equipes envolvidas na F1 quanto à direção do esporte a partir de 2021, que é quando o atual Pacto de Concórdia e os regulamentos técnicos estão definidos para expirar.

Ainda há pontos chave a serem acordados entre as várias partes, com o chefe da Toro Rosso, Franz Tost, dizendo na semana passada que "o tempo estava correndo".

Mas Whiting diz que não está esperando nenhum atraso no processo e diz que as mudanças serão finalizadas em tempo suficiente para que as equipes se preparem para sua introdução.

"Está levando um pouco mais de tempo do que o esperado", admitiu Whiting na semana passada. "Passamos por muitas coisas no Grupo de Estratégia na semana passada, mas é um processo contínuo.

“Ainda estamos falando com as equipes”, acrescentou ele. “E isso será em 2021, sim.”

A FIA disse repetidamente que um acordo está próximo, mas na verdade o acordo continua a ser difícil, com a futura abordagem da F1 para a tecnologia de motores provando ser um ponto de atrito particular.

Já em julho, Whiting disse que estava "confiante” de que estivesse chegando ao fim desse processo.

"É muito complicado", ele admitiu na época. “Há reunião após a reunião, e os relatórios que recebo parecem muito detalhados, então eles estão entrando em detalhes.”

"No final desse processo, teremos uma ideia muito mais detalhada de como as unidades de potência serão em 2021."

Próximo artigo
Arrivabene: Vettel ainda será campeão mundial com a Ferrari

Artigo anterior

Arrivabene: Vettel ainda será campeão mundial com a Ferrari

Próximo artigo

De Ferran: atual momento da McLaren “me deixa com raiva”

De Ferran: atual momento da McLaren “me deixa com raiva”
Carregar comentários

Sobre esta matéria

Categoria Fórmula 1